Atual presidente da Uefa foi elogiado pelo mandatário da Fifa, que pensa em deixar o cargo após 2015

selo

Depois de 17 anos à frente da principal entidade do futebol mundial, Joseph Blatter deixará a presidência da Fifa ao final de seu quarto mandato, em 2015. E, no que depender do suíço, seu sucessor está definido e será Michel Platini . De acordo com o atual mandatário, o ex-meia francês está "pronto" para assumir o cargo.

Leia também: No Brasil, Fifa reclama de exigências do governo para a Copa

"Michel Platini está pronto, se quiser. Por enquanto diz que ainda não tem certeza, mas ele quer (assumir o cargo)", declarou Blatter, em uma entrevista publicada nesta terça-feira pela conceituada revista France Football .

O presidente da Fifa garantiu que Platini cumprirá seu papel à frente da entidade, caso realmente se candidate, mas pediu que não sejam feitas comparações entre eles. Joseph Blatter assumiu o cargo em 1998, substituindo o brasileiro João Havelange, e já avisou que não tentará a reeleição ao fim de seu quarto mandato.

E ainda: Fifa revela documentos sobre esquema de manipulação de resultados

"É preciso saber parar. Tratarei de chegar até 2015, mas vou pôr em prática um novo sistema de governo. Quero sair pela porta grande, não pela pequena", disse o suíço, que enfrentou uma séria crise na entidade recentemente.

Em 2011, Blatter e outros dirigentes da Fifa foram investigados após serem acusados de corrupção na escolha da Rússia como sede da Copa do Mundo de 2018. O suíço não foi punido e ainda conseguiu que Mohammad Bin Hamman, que concorria com ele à eleição para presidente da entidade, retirasse sua candidatura, sob a acusação de compra de votos para levar a Copa de 2022 para seu país, o Catar.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.