Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Blatter apoia Mundial de Clubes de 2012 em zona atingida por tsunami

Presidente da Fifa quer que algumas partidas da próxima edição do torneio aconteçam no Nordeste do Japão, devastada em março

EFE |

AFP
Joseph Blatter apoia Mundial de 2012 em local atingido por tsunami no Japão
O presidente da Fifa, Joseph Blatter, expressou apoio à realização de algumas partidas do Mundial de Clubes de 2012 no nordeste do Japão, região devastada pelo terremoto e tsunami de março, após visitar neste sábado a província de Miyagi, uma das mais afetadas pela tragédia.

Leia mais: Fifa adia divulgação de dossiê que implica Teixeira no caso ISL

"Sou totalmente a favor de usar um dos estádios, mas decidiremos qual é o mais apropriado para a competição", disse o dirigente suíço, após visitar o centro futebolístico financiado pela Fifa na cidade de Matsushima e percorrer outras cidades de Miyagi. O Estádio Yurtec de Sendai, sede do clube japonês Vegalta Sendai, tem capacidade para 20 mil torcedores e é um dos maiores da região, assim como o Estádio de Miyagi, na cidade de Rifu.

Confira ainda: Mudo sobre o COI, Havelange é ovacionado por Parreria e cia. no Rio

Em declarações divulgadas pela agência de notícias japonesa "Kyodo", Blatter explicou que a Fifa chegou a cogitar levar o torneio ao nordeste do Japão neste ano, mas acabou decidindo realizá-lo no estádio Toyota de Nagoya e no Estádio Internacional de Yokohama, ambos no centro do país. "Neste ano, tivemos de continuar realizando (o torneio) nessas duas cidades, mas no ano que vem, está tudo aberto. E tenho certeza de que, junto com o comitê organizador local e meu amigo Junji (Ogura, presidente da federação japonesa), vamos encontrar uma solução", disse Blatter.

O presidente da Fifa se mostrou comovido ao ver os impactos da catástrofe de 11 de março na região que visitou neste sábado. "O que vi é desolação. Parece um terreno devastado pela guerra, mas foi devastado pela natureza".

Blatter também manifestou apoio à realização da Copa do Mundo de futebol feminino de 2019 no Japão, algo que prometeu sugerir na reunião do comitê executivo da Fifa da próxima semana, em Tóquio. "Os japoneses demonstraram sua capacidade de organização quando realizaram a Copa do Mundo de 2002 junto a seus vizinhos sul-coreanos", destacou o suíço, que também lembrou a vitória da seleção feminina japonesa no Mundial deste ano, na Alemanha. Blatter disse que seria uma boa ideia realizar a Copa feminina de 2019 no Japão, pois o único país da Ásia a organizar a competição foi a China.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG