Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bin Hammam critica abstenção inglesa em eleição da Fifa

"Eles deveriam estar trabalhando para melhorar e aprimorar o futebol", disse o concorrente de Joseph Blatter

AE |

Rival do atual presidente Joseph Blatter na próxima eleição da Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados), o catariano Mohamed bin Hammam criticou nesta terça-feira a postura da FA (Associação de Futebol da Inglaterra) de se abster na votação do dia 1º de junho. O candidato disse estar "desapontado" com a decisão dos ingleses "de não tentar trazer mudanças" para dentro da maior entidade do futebol mundial.

"A FA, com seu status de mais antiga associação do mundo e berço do futebol moderno, é uma das mais importantes instituições do futebol mundial", registrou Bin Hammam. "Como consequência, eles deveriam estar trabalhando com a Fifa e o resto do mundo para melhorar e aprimorar o futebol. Ao optar pela abstenção, a FA está, infelizmente, perdendo uma grande chance", completou.

Indignada com a derrota na votação para receber a Copa do Mundo de 2018, vencida pela Rússia, a FA havia anunciado na semana passada que não votaria em Blatter nem em Bin Hammam , ambos atingidos por acusações de corrupção.

As denúncias atingiram diretamente as escolhas das sedes dos Mundiais de 2018, almejado pela Inglaterra, e 2022, vencido pelo Catar. A opção pelo país de Bin Hammam trouxe suspeitas sobre o candidato à presidente. Ele foi acusado de pagar US$ 1,5 milhão para dois executivos da Fifa durante o processo de votação .

Ao todo, seis membros do comitê executivo da Fifa foram acusados de receber suborno para a escolha das próximas sedes da Copa do Mundo. As denúncias vieram à tona graças ao jornal "Sunday Times", no ano passado. Pressionado, Blatter anunciou que a Fifa vai investigar as acusações e que conversará com o responsável pelo vazamentos das denúncias.

Leia tudo sobre: Futebol MundialInglaterraFifaBin Hammam

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG