Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Berola rechaça rótulo de talismã e quer lugar no time titular

Atacante é o vice-artilheiro do Atlético-MG no ano, com nove gols anotados, um a menos que Magno Alves

Gazeta |

O atacante Neto Berola, peça importante na vitória do Atlético-MG no primeiro clássico da semifinal do Mineiro, não se considera um talismã dentro do elenco atleticano. O jogador garante que seu único objetivo é ajudar a equipe entrando no segundo tempo ou começando desde o inicio da partida. O atleta afirma que vem trabalhando para ser titular, mas deixou a decisão para o técnico Dorival Júnior.

"Sempre quero jogar, mas fica a critério do professor. Se ele quiser que eu entre no segundo tempo, vou fazer a mesma coisa que tenho feito, independentemente de ser titular ou não. Sempre vou querer ajudar o Atlético-MG", declarou o atacante, que em 15 jogos na temporada, começou como titular em apenas três oportunidades.

Neto Berola é o vice-artilheiro do Atlético-MG no ano, com nove gols anotados, um a menos que Magno Alves. "Fico feliz. Acho que tenho feito meu trabalho, e o professor tem reconhecido. Se ele optar por mim, vou com o mesmo empenho que joguei domingo e vou tentar marcar mais um golzinho", frisou o atacante.

Em 2010, o atleta costumava apresentar cansaço durante as partidas e quase sempre tinha de ser substituído, quando começava como titular. Durante a pré-temporada, o jogador fez um tratamento especial contra as frequentes cãibras, mas apesar da melhora o atacante ainda tem dificuldades para suportar os 90 minutos de uma partida.

Apesar do problema, o jogador garante que independente do tempo que permanecer dentro de campo, o estilo de jogar sempre será o mesmo, com o objetivo de ajudar o Atlético-MG. "Sempre procuro fazer os gols, ir para cima do zagueiro e finalizar. Está dando certo", afirmou.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG