Tamanho do texto

Autor de oito gols em 12 partidas, meia vascaíno se dá por satisfeito em ser campeão mesmo na reserva

Bernardo comemora um dos seus oito gols pelo Vasco em 12 partidas
Agência O Globo
Bernardo comemora um dos seus oito gols pelo Vasco em 12 partidas

Bernardo reiterou sua condição de 12º jogador. Pela quarta partida seguida, ele deixa a sua marca – sempre em momentos importantes. Já são oito gols em 12 jogos. Vale lembrar que o meia foi titular em apenas cinco. Sábado, novamente contra o Olaria, ele volta para o banco de reserva. Mas quem disse que Bernardo quer comprar briga com o técnico Ricardo Gomes. Mais uma vez, ele adota o discurso de se colocar à disposição do treinador.

“Todos aqui no Vasco têm capacidade de jogar. Independentemente de quem entra, o professor vai sempre escolher os 11, eu já disse que estou aqui para ajudar. Ajudar a ele e aos meus companheiros. Começando ou não, tenho a confiança dele e sei que posso ser útil”, declarou jogador, afastando qualquer mal-estar com o comandante se houver pressão da torcida.

Bernardo marcou o primeiro gol da reação vascaína no empate em 2 a 2 com o Olaria , neste domingo, em Macaé. O time perdia por 2 a 0 quando Diego Souza caiu na área e o juiz marcou pênalti. Sem Alecsandro, poupado, o meia chamou a responsabilidade e pediu para cobrar: bola no canto direito do goleiro.

“Espero ajudar o Vasco a ganhar este título”, disse o camisa 31.

Confira a lista dos gols de Bernardo:
9 de março
– Campeonato Carioca – Vasco 4 x 2 Duque de Caxias (1)
13 de março - Campeonato Carioca – Madureira 2 x 4 Vasco (3)
6 de abril – Copa do Brasil – Vasco 2 x 1 ABC (1)
9 de abril - Campeonato Carioca – Vasco 2 x 1 Cabofriense (1)
13 de abril – Copa do Brasil – Náutico 0 x 3 Vasco (1)
17 de abril - Campeonato Carioca – Olaria 2 x 2 Vasco (1)