Aos 35 minutos do 2º T, o meia vascaíno acertou belo chute, no ângulo, sem chances para o adversário

O goleiro Deola vinha tendo trabalho com as faltas batidas por Juninho Pernambucano na partida deste domingo, em São Januário, mas conseguiu se virar bem. Quando Bernardo assumiu a função, no entanto, o arqueiro palmeirense nada pôde fazer. Aos 35 minutos do 2º tempo, o meia vascaíno acertou belo chute, no ângulo, sem chances para o adversário.

Contente com a fama de talismã e por ter feito gol naquela que é a especialidade de um dos maiores ídolos da torcida, o meio-campista lembrou o número de faltas que treina durante a semana e exaltou a ajuda que Juninho procura passar.

Siga o Twitter do iG Vasco e receba as notícias do seu time em tempo real

null

"Eu treino a semana toda, vocês (jornalistas) me acompanham quando eu estou lá praticando. Fico batendo falta, conversando com o Juninho. Mesmo cansado, mesmo não tendo o mesmo condicionamento de quando tinha 25 anos, ele está sempre me acompanhando, conversando comigo e me dando apoio pra eu melhorar. Por isso fico feliz de ter acertado essa", comentou.

Coloque seu time em 1º lugar no ranking da Torcida Virtual do iG Esporte

Já Deola, que apenas observou enquanto o chute estufava as suas redes, não poupou elogios à batida certeira.

"Ele bateu uma falta um pouco antes, que veio forte, mas foi em cima de mim e deu para fazer a defesa. Nessa primeira eu consegui ver e fiz a defesa, mas a segunda não dava pra pegar, foi muito bem batida. Tem que dar o mérito para ele", analisou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.