Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bayer vira sobre o Chelsea no final e avança às oitavas

Equipe alemã consegue virada no fim da partida contra o time inglês e obtém vaga antecipada para a próxima fase

AE |

selo

Reuters
Derdiyok marcou o primeiro gol na vitória do Bayer Leverkusen sobre o Chelsea por 2 a 1
Em um final de jogo emocionante, o Bayer Leverkusen conseguiu a virada sobre o poderoso Chelsea e, de quebra, para festa de sua torcida, obteve a classificação antecipada às oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Com a vitória por 2 a 1, na Alemanha, o time assumiu a liderança do Grupo E, com nove pontos, e ao menos já garantiu a segunda colocação da chave.

Leia mais: Em jogo eletrizante, Messi comanda vitória do Barça sobre o Milan

A outra vaga à próxima fase da competição será disputada por Chelsea e Valencia, que chegou aos mesmos 8 pontos dos ingleses ao humilhar o Genk, da Bélgica, por 7 a 0, no estádio Mestalla, em Valência. Assim, o Bayer Leverkusen já está classificado, pois na última rodada, no dia 6 de dezembro, Chelsea e Valencia se enfrentarão em Londres e, no caso de um tríplice empate, o clube alemão leva vantagem no confronto direto com os dois concorrentes.

Confira ainda: Valencia massacra Genk com gol de Jonas e show de Soldado

O que não está garantido para a equipe da Alemanha é a liderança do grupo, que dará vantagem de jogar em casa na partida de volta das oitavas de final. Mas ela pode ser obtida com uma simples vitória sobre o lanterna Genk, já eliminado até de vaga na Liga Europa. O time da Bélgica, que será mandante no duelo, está com apenas dois pontos até agora.

Na BayArena, após um primeiro tempo equilibrado, o Chelsea começou melhor a segunda etapa e conseguiu abrir o placar, logo aos 3 minutos, em uma jogada de raça e sorte do centroavante Didier Drogba, que ganhou de dois zagueiros dentro da área e chutou forte e colocado no canto direito baixo do goleiro Leno. O Bayer Leverkusen, então em situação difícil na competição, foi ao ataque e empatou com Derdiyok, aos 28. Já aos 46, a virada alemã saiu com um gol de cabeça do zagueiro Friedrich.

Já na Espanha, o show de gols foi quase dividido entre os dois tempos da partida. Na primeira metade, o atacante brasileiro Jonas (ex-Grêmio) abriu o placar, aos 10 minutos, e viu o seu companheiro de ataque, Roberto Soldado (ex-Real Madrid), brilhar ao marcar os três seguintes - aos 13, aos 36 e aos 39 minutos. Na segunda metade, foram mais três gols espanhóis - Pablo Hernández, aos 23, Aritz Aduriz, aos 25, e Tino Costa, aos 36.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG