Técnico fará 4 mudanças na equipe que enfrentará a Costa Rica precisando vencer para conquistar uma vaga nas quartas de final

Precisando de uma vitória para não passar vexame em casa, o técnico da Argentina, Sérgio Batista, fará quatro mudanças no time que enfrenta a Costa Rica nesta segunda-feira. Titulares no empate com a Colômbia na última semana, Tevez, Banega, Cambiasso e Lavezzi perderam lugar no time. Gago, Dí Maria, Higuain e Agüero são os novos titulares.

Batista confirmou neste domingo a equipe que começará a partida decisiva em Córdoba. Messi jogará de forma mais recuada, saindo do meio-campo. O esquema é semelhante ao que a Argentina utilizou nas Olimpíadas de Pequim, em 2008, quando o time era dirigido por Batista e levou a medalha de ouro.

“É um esquema muito parecido com o que usamos em Pequim. A ideia é ter um jogador a mais dentro da área. Higuain será um 9, jogando centralizado”, afirmou Batista.

Para se classificar às quartas de final, a Argentina precisa vencer a partida. Mesmo com a vitória, entretanto, a seleção local não conseguirá ficar em primeiro no grupo A da Copa América, já que a Colômbia venceu a Bolívia neste domingo e somou 7 pontos. Os argentinos tem 2 pontos e poderão, no máximo, chegar a 5.

Apoio na chegada
A delegação argentina chegou a Córdoba na noite deste domingo. A seca de vitórias não foi suficiente para abafar o apoio dos torcedores locais. Com gritos, principalmente, para Messi, Tevez e Agüero os argentinos apoiaram os jogadores.

A seleção local escolheu um hotel dentro de um centro comercial em Córdoba. O local esteve movimentado durante todo o domingo e cerca de mil pessoas aguardaram os jogadores em frente ao hotel.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.