Jogadores do time inglês teriam se desentendido após o revés do City para o Swansea por 1 a 0, pelo Campeonato Inglês

Balotelli comemora gol do City diante do Aston Villa
AFP
Balotelli comemora gol do City diante do Aston Villa
Após uma sequência de glórias durante toda a temporada, o Manchester City parece estar sofrendo os efeitos de um desgastante ano e presenciou um novo episódio polêmico no último domingo. Depois da derrota para o Swansea, por 1 a 0, o atacante Mario Balotelli e o volante Yaya Toure teriam discutido a caminho dos vestiários e precisaram ser contidos por seus companheiros de clube.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

A informação foi revelada pelo jornal inglês The Sun , que reforçou a áspera troca de xingamentos entre os dois atletas dos Citizens . Segundo a publicação inglesa, os jogadores passaram um longo tempo discutindo no túnel que liga o gramado aos vestiários e terminaram a briga após a insistência do restante do time.

Leia mais: Em entrevista, Balotelli afirma que precisa "amadurecer"

Apesar do episódio, o técnico Roberto Mancini alegou que não sabia de nenhum incidente extra-campo e admitiu que o clube está sendo prejudicado pela maratona de jogos no Campeonato Inglês e na Liga Europa. O time foi derrotado no primeiro jogo contra o Sporting Lisboa, pelo torneio continental, e perdeu a liderança do Nacional ao sofrer um novo revés neste fim de semana.

Confira ainda: Xandão faz de calcanhar e Sporting bate o City. Atlético vence

"Os últimos quatro dias foram muito difíceis para mim. Talvez nós estamos cansados já no começo das partidas. Isso é normal depois de sete meses de temporada, sendo que nós jogamos três vezes por semana. Perdemos dois jogos nos últimos quatro dias e esse é um momento muito ruim para nós", analisou o compreensivo técnico italiano.

Yaya Toure passa pela marcação de Fernando em Manchester
AP
Yaya Toure passa pela marcação de Fernando em Manchester

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.