Time de Salvador quer aproveitar momento do América-MG para somar pontos e subir na tabela

Se a fase que o Bahia vive não é das melhores no Campeonato Brasileiro, a confiança dos jogadores em uma reviravolta na competição durante o segundo turno é plena. Os atletas querem aproveitar a pressão da torcida para se motivarem ainda mais na conquista de resultados positivos e arrancarem na tabela.

Acostumado com decisões em sua carreira, o meia Carlos Alberto destacou a importância dos torcedores comparerecem no estádio de Pituaçu nesta quinta-feira. O jogador acredita que o apoio da torcida irá ajudar o time a crescer em campo e conquistar uma vitória contra o América-MG .

"Nesse tipo de jogo eu me sinto com três ou quatro metros de altura, pois gosto de partidas com pressão. E nessa partida precisamos de jogadores com menos medo de errar. Queria convocar o torcedor para comparecer ao jogo e nos apoiar, pois a química e a vibração deles nos contagiam dentro de campo", afirmou Carlos Alberto, que terá a companhia de Ricardinho no meio-campo.

Outro jogador que espera ver o Bahia melhorar suas atuações no Brasileirão e se classificar pelo menos para a Sul-americana é o volante Fahel . O jogador fez questão de mostrar que a equipe está unida e que tem potencial para recuperar o time na competição.

"Estamos com confiança e o grupo está com vontade de vencer. Conversamos entre nós e olhamos o potencial do nosso time e vamos no segundo turno buscar um algo a mais. Até porque temos objetivos de conseguir chegar e completar nossas etapas e sabemos até onde podemos ir", declarou Fahel.

O Bahia perdeu para o Ceará por 3 a 0 na última rodada e ficou mais perto da zona do rebaixamento. Agora, diante do lanterna do campeonato, o time espera conquistar uma vitória que livre a equipe da 16ª colocação e alivie a crise vivida nos bastidores.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.