Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Bahia cerca Morais e torce para Corinthians buscar novos meias

No ano passado, atleta foi um dos destaques na campanha que levou novamente o time baiano à elite nacional

Gazeta |

O Bahia não esconde seu interesse por Morais , um dos destaques na campanha que levou novamente o time à elite nacional, no ano passado. O clube, entretanto, esbarra na falta de opções do Corinthians para o setor, uma vez que o recém-contratado Alex só poderá estrear a partir de agosto, enquanto Bruno César, antigo titular da posição, está de saída para o futebol português.

De qualquer forma,os dirigentes já se armaram caso o Corinthians contrate novos meias e resolva emprestar o jogador mais uma vez. "Temos um acordo verbal para sermos o primeiro time a ser ouvido pelo Corinthians e também já conversamos algumas vezes com o próprio atleta", explica o gestor do futebol baiano, Paulo Angioni.

A vontade de contar com Morais é tanta que o clube não estipula prazo de espera, que promete ser longa. O nome mais cotado para o meio-campo corintiano é o holandês Seedorf, cujo contrato com o Milan se encerra no fim de maio e que viveria a mesma situação de Alex, podendo entrar em campo somente em agosto, quando reabre a janela de transferências internacionais.

"Ele (Morais) é muito querido aqui no Bahia pelo que fez, ajudando o time a subir à primeira divisão, e realmente temos muito interesse no retorno dele", acrescentou o dirigente.

Morais, em caso de acerto, seria o quinto jogador do Corinthians à disposição do técnico René Simões para o Campeonato Brasileiro. No momento, o Bahia tem o lateral-direito Dodô, o volante Boquita, o meia Lulinha e o atacante Souza, todos ainda vinculados ao time paulista.

Apesar do interesse do Bahia, o Corinthians não demonstra em liberar Morais por empréstimo. Segundo Edu Gaspar, o meia que retornou ao clube no início do ano está nos planos para o restante da temporada. "Ele é jogador do Corinthians e estamos contentes com seu desempenho. Ele entrou bem na final contra o Santos (quando marcou um gol). É um atleta que responde nossas expectativas, gostaríamos de tê-lo no Brasileiro", disse Edu.

*com iG São Paulo

Leia tudo sobre: bahiacorinthiansbrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG