Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Auxiliar revela que puxão na orelha deu início a agressão ao juiz

Altemir Hausmann viu o conflito com Jean e deverá esperar o fim do Brasileiro para definir qual atitude será tomada judicialmente

Gazeta |

O auxiliar de arbitragem Altemir Hausmann deu sua versão sobre a briga com torcedores do Corinthians no aeroporto de Congonhas , nesta segunda-feira, em São Paulo. Segundo ele, os quatro agressores, que vieram no mesmo voo do trio de arbitragem, teriam iniciado a discussão com um puxão na orelha do árbitro Jean Pierre Gonçalves Lima.

"Os torcedores interpelaram o Jean Pierre e eu me interpus, porque, de forma até infantil, por falta de educação mesmo, puxaram a orelha dele como de uma criança e me deixou indignado. Falei: 'que tipo de brincadeira é essa?', mas eles falaram para não me meter, pois não fui eu quem tinha marcado o pênalti", revelou, em entrevista para o SporTV.

Leia também: Andrés evita popularizar apelidos para não desvalorizar "naming rights"

"Os ânimos acabaram se exaltando e até de forma covarde um deles me deu um pontapé. Eu revidei, o empurrei para longe e aí começou todo o problema. Eles acabaram fugindo porque não tinham bagagem", explicou Altemir.

A confusão aconteceu quando Altemir, Jean Pierre e Julio Cesar Rodrigues Santos, da Federação Gaúcha de Futebol, desembarcaram na capital paulista para fazer conexão às suas cidades. Eles trabalharam na derrota do Timão para o América-MG, por 2 a 1 , e o pênalti assinalado contra o time paulista foi bastante contestado.

Siga o iG Corinthians no Twitter e receba as notícias do seu time

O próprio alvinegro, em nota no seu site oficial, repudiou o ato de violência alegando que este não "é o caminho para decisão do ponto de vista esportivo ou de qualquer natureza". Chateado com a situação, o técnico Tite também prometeu não comentar mais sobre arbitragem até o fim da disputa do Brasileirão.

Judicialmente, Altemir Hausmann ainda não confirmou qual será sua atitude. Na entrevista, o auxiliar afirmou que irá aguardar o final do Campeonato Brasileiro para decidir qual será sua posição.

Entre para a Torcida Virtual do Corinthians e comente a agressão aos árbitros

Leia tudo sobre: brasileirão 2011corinthians

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG