Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Atlético-PR tropeça em casa e cede o empate ao América-MG

Marcinho e Edigar marcaram no início da partida, mas clube paranaense acabou levando dois gols e empatando

Gazeta Esportiva |

null

Em um início de noite gelado em Curitiba, o Atlético Paranaense tropeçou na Arena da Baixada e, depois de abrir dois gols de diferença, permitiu o empate em 2 a 2 com o América-MG , pelo Campeonato Brasileiro 2011. Com o resultado, o Furacão segue ameaçado pelo fantasma da degola, com 17 pontos, assim como o Coelho, lanterna com 13 pontos ganhos. 

O Atlético abriu o placar com um gol relâmpago. Marcinho , com apenas um minuto, passou pela defesa e arrematou pra as redes. Aos 24 minutos foi a vez de Edigar Junior marcar mais um na competição. Os mineiros descontaram com Kempes , aproveitando rebote aos 27 minutos. No segundo tempo, Léo de cabeça, aos 27 minutos, deixou tudo igual.

Na próxima rodada, o Atlético Paranaense terá o clássico diante do Coritiba , domingo, no Estádio Couto Pereira. Antes, terá o confronto diante do Flamengo , pela Copa Sul-americana. Já o América-MG terá pela frente o Atlético Goianiense , sábado, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.

O jogo
O árbitro mal havia apitado o início da partida e Marcinho, com apenas um minuto, passou como quis pela zaga mineira e chutou para o fundo das redes, aproveitando ainda falha do goleiro Neneca. O Furacão dominava as ações, embora não agredisse o adversário como se esperava após abrir o placar. Aos oito minutos, Cléber Santana fez o cruzamento e Gabriel apareceu para dominar o lance.

AE
Fábio Júnior em ação pelo América-MG contra o Atlético-PR
O Coelho não estava morto e Otávio partiu para a jogada individual, que terminou com um chute nas arquibancadas da Arena. Na resposta, aos 15 minutos, Edigar Junio recebeu na área e praticamente recuou para Neneca. Pressão rubro-negra e, aos 20 minutos, Edílson arriscou o chute cruzado, Marcinho desviou e o camisa 1 americano dez a defesa. Até que, aos 24 minutos, Paulinho cruzou e Edigar Junior, de primeira, mandou para o fundo do gol.

O América-MG conseguiu reagir rápido e, aos 27 minutos, Rodriguinho disparou o petardo, Renan Rocha deu rebote e Kempes apareceu para descontar. Boa tabela entre Kempes e Amaral, aos 36 minutos, mas Rafael Santos estragou a jogada. Aos 42 minutos, Marcinho cobrou falta na área e Neneca apareceu para afastar com um soco.

Na segunda etapa, o Rubro-Negro criou a primeira boa chance aos cinco minutos, com Edigar Junio, que acertou um belo chute cruzado, dando trabalho para Neneca. Aos oito minutos, Edílson fez a jogada pela lateral e cruzou, fácil para a saída do goleiro. A partida não era tecnicamente empolgante, já que o time na casa não conseguia aproveitar as chances e os visitantes erravam demais.

Em um jogo fraco, um erro poderia complicar qualquer um dos times. Aos 15 minutos, após cruzamento e Marcos Rocha, Renan Rocha saiu errado e Edílson teve que se virar para salvar. Um raro escanteio para o Coelho, aos 17 minutos. A cobrança foi na cabeça de Fábio Júnior, que tocou pela linha de fundo.

A partida começou a ficar perigosa para o Atlético-PR. Aos 27 minutos, aproveitando o apagão no Furacão, Marcos Rocha cruzou e André Rocha testou para o fundo das redes. O Furacão ainda tentou marcar com Marcinho, em um chute forte aos 34 minutos, mas o que se viu foi sofrimento para o torcedor. Aos 39 minutos, Kempes chutou cruzado, perto do gol. A última grande chance veio aos 42 minutos, com Otávio desviando contra o patrimônio, obrigando Neneca a fazer um milagre.

Veja as imagens deste domingo pelo Brasileirão :

FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-PR 2 x 2 AMÉRICA-MG

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data: 21 de agosto de 2011, domingo
Horário: 18 horas (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia e Herman Brumel Vani

Cartões amarelos: Edílson (Atlético-PR); Micão, Rodriguinho, Dudu e Gilson (América-MG)

Gols:
ATLÉTICO-PR: Marcinho, a 01 minuto e Edigar Junio, aos 24 minutos do primeiro tempo
AMÉRICA-MG: Kempes, aos 27 minutos do primeiro tempo e André Dias, aos 27 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-PR: Renan Rocha; Edilson (Wagner Diniz), Manoel, Rafael Santos e Paulinho; Wendell, Kléberson (Adaílton), Cléber Santana e Marcinho; Madson (Fransérgio) e Edigar Junio
Técnico: Renato Gaúcho

AMÉRICA-MG: Neneca; Gabriel, Micão e Otávio; Marcos Rocha, Dudu, Amaral, Rodriguinho (Netinho) e Gilson (Leandro Ferreira); Kempes e Fábio Júnior (André Dias)
Técnico: Givanildo Oliveira

Leia tudo sobre: brasileirão 2011américa-mgatlético-pr

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG