Após fiascos no semestre, time da Arena da Baixada sonha em repetir a grande campanha do título de 2001

AE
Paulo Baier é o principal destaque do Atlético-PR
Depois de um primeiro semestre ruim, o Atlético-PR busca recomeço no Brasileirão. Nos últimos meses, a torcida atleticana teve de conviver com a supremacia do Coritiba, bicampeão estadual, além de lamentar a eliminação na Copa do Brasil.

Por isso, o campeonato nacional é considerado chave para o clube. A diretoria promete que o time vai disputar o título ou uma vaga na Libertadores da América. Há dez anos, no Brasileirão de 2001, o Atlético-PR fez a melhor campanha de sua história e conquistou o título inédito.

Além de ter perdido atletas após o surpreendente quinto lugar em 2010, o time já trocou de técnico quatro vezes na atual temporada. Começou com Sergio Soares, depois assumiu Leandro Niehus, Geninho e, por fim, Adilson Batista.

O número de jogadores utilizados na temporada também é grande, superando os 40. A rotatividade promete aumentar, já que a diretoria ainda corre atrás de reforços.

Os problemas extra-campo também comprometeram o clube no primeiro semestre. Se por um lado, as finanças do Atlético vão bem, a falta de investimentos mais concretos em atletas de qualidade fez com que os três dirigentes do futebol deixassem o clube – Valmor Zimermann, Ademir Adur e Ocimar Bolicenho se desligaram.

O conselheiro Alfredo Ibiapina assumiu como diretor de futebol e o antigo ídolo Paulo Rink foi para a gerência do departamento. Com tamanha reformulação, não será surpresa se a equipe demorar a engrenar no Brasileirão e novamente preocupar a torcida atleticana.

Ficha técnica

Atlético-PR
Nome oficial: Clube Atlético Paranaense
Fundação: 26 de março de 1924
Localização : Curitiba-PR
Estádio: Arena da Baixada
Capacidade: 28.413
Presidente: Marcos Malucelli
Treinador: Adilson Batista
Principais títulos conquistados : 1 Brasileiro (2001), 1 Brasileiro da Série B (1995), e 22 Campeonatos Paranaenses (1925, 1929, 1930, 1934, 1936, 1940, 1943, 1945, 1949, 1958, 1970, 1982, 1983, 1985, 1988, 1990, 1998, 2000, 2001, 2002 (Supercampeonato Paranaense), 2005 e 2009)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.