Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Atlético-MG recebe o Bahia para deixar a zona de rebaixamento

Se vencer neste domingo, time mineiro sai do grupo dos últimos colocados depois de sete rodadas seguidas

Victor Martins, iG Belo Horizonte |

Com clima de decisão, Atlético-MG e Bahia se enfrentam neste domingo, às 18h, na Arena do Jacaré. O jogo válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro pode marcar a saída do time mineiro da zona de rebaixamento depois de sete rodadas entre os últimos colocados. Para isso, bastante vencer o Bahia. Apesar da importância da partida, o técnico Cuca trata o compromisso como mais um jogo importante, não uma final.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

De acordo com o treinador do Atlético-MG, todos os jogos têm o mesmo peso, sendo ou não uma disputa direita. Como exemplo ele usa o clássico com o Cruzeiro . Caso a equipe alvinegra tivesse empatado a partida, teria a condição de superar o maior rival já nesta rodada.

“Olha o clássico se tivesse acontecido o inverso, mais três pontos para cá e menos três para lá. Então todos os jogos são assim, até para quem está lá em cima. É um jogo fundamental porque se a gente ganhar, vamos sair da zona do rebaixamento. Vamos passar a semana do jogo contra o Atlético-GO livre da zona do rebaixamento. Mesmo que seja por critérios de desempate, é importante. É saber que vai ser um jogo complicado e difícil, mas que temos uma chance boa de vencer”.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

AE
Jogador do Atlético-MG até abril, o meia Ricardinho vai receber uma marcação especial dos ex-companheiros
Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

Confirmado por Cuca como titular do Atlético-MG pela primeira vez , o lateral-esquerdo Triguinho é só elogios ao clube e aos companheiros. Contratado há 15 dias, o jogador é enfático ao afirmar que o Atlético-MG não pode ficar entre os últimos colocados do Brasileiro, por toda estrutura e qualidade do elenco.

“Acho que nos últimos jogos o time teve uma evolução muito grande. Falando de estrutura, dispensa comentários. Estou aqui há 15 dias e estou muito surpreso. Passei em outras equipes e não é como aqui. Então não pode ficar nessa situação pela estrutura, pela condição de trabalho que o clube nos dá. Todo mundo quer vir jogar no Atlético, então quem está aqui tem que se doar ao máximo e tentar levar o Atlético lá para cima. Se comparar jogador por jogador, não menosprezando as outras equipes, nós temos jogadores de seleção brasileira. É o momento também, nosso momento não está bom, mas logo isso vai mudar”.

FICHA TÉCNICA – ATLÉTICO-MG X BAHIA
Local
: Arena do Jacaré (MG)
Data: 11 de setembro de 2011, domingo
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luís Seneme (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (SP) e Marcelo Carvalho Van Gasse (SP)

ATLÉTICO-MG: Renan Ribeiro; Mancini, Réver, Werley e Triguinho; Pierre, Fillipe Soutto, Serginho e Daniel Carvalho; Neto Berola e Magno Alves.
Técnico: Cuca.

BAHIA: Tiago; Marcos, Titi, Paulo Miranda e Maranhão; Marcone, Fahel, Ricardinho e Carlos Alberto; Reinaldo e Júnior.
Técnico: Joel Santana.

Leia tudo sobre: Atlético-MGBrasileirão 2011Bahia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG