Tamanho do texto

Desde 2003, nos pontos corridos, somente uma vez o time mineiro venceu seis nas dez últimas partidas

Flickr/Clube Atlético Mineiro
União entre time e torcida pode ser determinante para o sucesso atleticano nesta reta final
Seis vitórias separam o Atlético-MG da Série A do Campeonato Brasileiro de 2012. É o que o time de Cuca tem de fazer nas dez rodadas que faltam para não depender de outros resultados. Diante de desempenho tão pífio depois de 28 rodadas , a missão atleticana não é nada fácil, ainda mais se comparado ao histórico do clube na era dos pontos corridos. Desde 2003, quando o Brasileirão mudou de fórmula, somente uma vez o Atlético-MG conseguiu vencer seis vezes nas últimas dez rodadas. Foi sob o comando de Emerson Leão, na temporada 2007.

Veja também: Atlético-MG é o 17º no Brasileirão. Veja a classificação atualizada

Para complicar a vida dos atleticanos, a sequência final não é nada fácil. Das dez partidas que faltam, oito são contra os principais clubes do país, contra quem o Atlético-MG tem péssimo desempenho neste Brasileirão. No duelo com as outras 11 grandes equipes do Brasil neste campeonato, o time alvinegro venceu apenas o Fluminense . O primeiro desafio é o Santos , de Muricy Ramalho , nesta quinta-feira, na Arena do Jacaré.

Leia também: Tropeços fazem Cuca trocar otimismo por dúvidas

“A situação é complicada, cada vez mais. Mas se a gente não acreditar, a gente não buscar motivação e força, a situação vai ficar impossível. Então, enquanto existe esperança, temos de lutar para sair dessa. É tirar força de dentro da gente, da união que o grupo tem, buscar força em Deus e no apoio da nossa família e dos nossos amigos. Enquanto há vida, há esperança, então o Atlético tem de lutar até o fim”, disse o volante Fillipe Soutto .

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

Torcedora do Atlético-MG levou uma faixa de apoio aos jogadores no clássico com o América-MG
Flickr/Clube Atlético Mineiro
Torcedora do Atlético-MG levou uma faixa de apoio aos jogadores no clássico com o América-MG
Assim como agora, em 2007 o Atlético-MG estava dentro da zona de rebaixamento depois de 28 rodadas. A diferença foi que naquele ano, foi a única vez que o time figurou entre os últimos colocados. A reação começou com o Grêmio , no Olímpico, com um empate em 2 a 2. Com 22 pontos conquistados em 30, o time alvinegro lamentou alguns tropeços ao longo da competição, já que terminou o Brasileiro cinco pontos atrás do Cruzeiro , que se classificou para a Copa Libertadores.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

A campanha de 2010 é muito lembrada pela reação que o time teve com Dorival Júnior . De virtual rebaixado, o Atlético-MG conquistou uma vaga na Copa Sul-Americana, no entanto venceu cinco vezes, além de dois empates, somando 17 pontos em 30 possíveis. Diante do cenário atual do Brasileiro, é possível que 17 pontos sejam suficientes para evitar o rebaixamento atleticano, mas os jogadores não querem depender dos adversários.

“Não podemos perder a confiança em nós. Sei que nesse momento é complicado e difícil pedir o apoio da torcida, mas que na quinta-feira ela possa vir e nos ajudar, pois precisamos bastante, para vencer e sair dessa situação complicada”, disse o zagueiro Werley .

Primeiro turno desanimador

Se agora o Atlético-MG precisa fazer 18 pontos nas últimas dez rodadas para não depender de nenhuma outra equipe, o desempenho atleticano contra os adversários que tem pela frente, no primeiro turno, não foi nada animador. O time alvinegro somou apenas quatro dos 30 pontos possíveis, entrando na zona do rebaixamento na 16ª rodada, de onde saiu apenas uma vez .

Veja como foi o desempenho do Atlético-MG nas últimas dez rodadas desde 2003:

Ano Faltando dez rodadas Desempenho na reta final Colocação final Resultado
2003 5º lugar com 60 pontos Três vitórias, três empates e quatro derrotas 7º lugar com 72 pontos Sul-Americana
2004 21º lugar com 39 pontos Quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas 19º lugar com 53 pontos Não caiu
2005 21º lugar com 33 pontos Quatro vitórias, dois empates e quatro derrotas 20º lugar com 47 pontos Rebaixado
2007 17º lugar com 33 pontos Seis vitórias e quatro empates 8º lugar com 55 pontos Sul-Americana
2008 12º lugar com 34 pontos Quatro vitorias, dois empates e quatro derrotas 12º lugar com 48 pontos Sul-Americana
2009 4º lugar com 47 pontos Três vitórias e sete derrotas 7º lugar com 56 pontos Sul-Americana
2010 17º lugar Cinco vitórias, dois empates e três derrotas 13º lugar com 45 pontos Sul-Americana