Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Atlético-MG goleia o Iape-MA e está classificado

Time de Dorival Júnior manda chuva de gols sobre equipe do Maranhão e agora vai enfrentar o Prudente

Victor Martins, iG Belo Horizonte* |

Como era esperado, o Atlético-MG não teve problemas para superar o Iape-MA e está classificado para a segunda fase da Copa do Brasil. Com a goleada por 8 a 1, nessa quarta-feira, na Arena do Jacaré, o time mineiro venceu pelo placar total de 11 a 3, já que tinha vencido o primeiro jogo por 3 a 2. Agora, o Atlético-MG vai enfrentar o Grêmio Prudente.

Os gols do triunfo atleticano foram de Renan Oliveira, duas vezes, Jobson, duas vezes, Ricardinho, Neto Berola, Toró e Diego Tardelli. O time do técnico Dorival Júnior volta a jogar somente dia 13, pelo Campeonato Mineiro. O Estadual vai parar durante o Carnaval e o treinador vai ter mais de uma semana para descansar os jogadores e preparar o time para o duelo contra o Ipatinga, no Ipatingão.

O jogo
A esperança do Iape-MA durou somente 37 segundos. Esse foi o tempo que o Atlético-MG precisou para roubar a bola do adversário e abrir o placar com Renan Oliveira, depois de bom passe de Diego Tardelli. O começo do Atlético-MG assustou aos maranhenses, que mal conseguiam tocar a bola. E com dois minutos de jogo a torcida da casa já pediu por mais um gol.

O pedido foi logo atendido pelo meia Ricardinho. O camisa 10 do Atlético-MG pegou rebote da defesa do Iape-MA e ficou sozinho com o goleiro Flaubert para fazer o segundo gol atleticano. Com seis minutos e 2 a 0 no placar, a torcida alvinegra esperava por goleada.

Mas o Atlético-MG diminuiu o ritmo e marcou somente mais um gol no primeiro tempo, mais uma vez com Renan Oliveira. O meia recebeu excelente passe de Magno Alves e ainda passou pelo goleiro Flaubert antes de empurrar para as redes, aos 20 minutos.

O restante do primeiro tempo foi arrastado e com poucos lances de perigo. O ritmo do Atlético-MG caiu tanto que até o Iape-MA se arriscou no ataque. Robson teve chance para fazer um gol, mas parou em boa defesa de Renan Ribeiro.

E com o freio de mão puxado, assim como nos minutos finais do primeiro tempo, que o Atlético-MG começou a etapa final. A torcida sentia isso e pedia por mais gol. Mas foi a entrada de Neto Berola, também pedido pelos torcedores, que mudou o ritmo do jogo.

O atacante do Atlético-MG entrou e incendiou o time novamente. Tanto que bastaram três minutos em campo para Neto Berola cruzar para Jobson fazer o quarto gol atleticano. Foi o primeiro dele pelo clube mineiro. Além do gol, Berola fez o time do Atlético-MG voltar a buscar o gol.

Bastou fazer o quarto que o time cresceu e teve muito perto de ampliar, até que foi a vez de Jobson retribuir o passe de Neto Berola e deixar o companheiro na cara do gol, aos 31 minutos, para ele fazer o quinto gol.

Estreante da noite, o volante Toró precisou ficar somente 17 minutos em campo para fazer o primeiro gol com a camisa do Atlético-MG e o sexto do clube. Embalado pela torcida e com a porteira aberta, o volante Pires foi expulso, o time da casa chegou a fazer 8 a 0, com gols de Jobson, novamente, e Diego Tardelli.

Como não podia ser diferente, o Atlético-MG tomou um gol nos minutos finais e mantém a sina de não passar nenhum jogo em 2011 sem sofrer gols. Robson marcou e vai ter alguma história para contar no seu retorno ao Maranhão.

FICHA TÉCNICA – ATLÉTICO-MG 8 X 1 IAPE-MA
Local: Arena do Jacaré, em Sete Lagoas-MG
Data: 02 de março de 2011, quarta-feira
Horário: 21h (horário de Brasília)
Renda: R$ 26.435,00
Público: 5.433 pagantes
Árbitro: Wagner dos Santos Rosa (RJ)
Assistentes: Jackson Massarra dos Santos (RJ) e Luiz Muniz de Oliveira (RJ)

Cartões amarelos: Réver e Zé Luis (CAM); Arcinho, Daniel, Luis Henrique e Carlinhos (IAP)
Cartão Vermelho: Pires (IAP)

GOLS:
ATLÉTICO-MG: Renan Oliveira, a 1 e aos 20 minutos; Ricardinho, aos 6 minutos do primeiro; Jobson, aos 22 e aos 40, Neto Berola, aos 31, Toró, aos 33 e Diego Tardelli, aos 42 minutos do segundo tempo
IAPE-MA: Robson, aos 43 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-MG: Renan Ribeiro; Jackson, Réver, Werley e Eron; Zé Luis(Toró), Serginho, Renan Oliveira (Neto Berola) e Ricardinho; Magno Alves (Jobson) e Diego Tardelli.
Técnico: Dorival Júnior

IAPE-MA: Flaubert, Carlinhos (Bruno Paiva), Daniel e Hans Müller; Arcinho (Dieguinho), Pires, Curuca, Válbson (Luis Henrique) e Tica; Vanvan e Robson.
Técnico: Paulo Cabrera
 

Leia tudo sobre: Atlético-MGCopa do Brasil 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG