Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Atlético-MG convoca torcida para deixar a zona de rebaixamento

Depois do péssimo desempenho como mandante no primeiro turno, meta é mudar o rumo ao lado dos torcedores

Victor Martins, iG Belo Horizonte |

Flickr/Clube Atlético Mineiro
A expectativa é que a torcida do Atlético-MG lote a Arena do Jacaré mais uma vez
Depois de completar cinco rodadas consecutivas dentro da zona de rebaixamento, o Atlético-MG , enfim, pode deixar o grupo dos últimos colocados do Campeonato Brasileiro . Para isso o time alvinegro precisa vencer o Avaí neste sábado, às 18h, na Arena do Jacaré. Para conseguir a segunda vitória consecutiva, o técnico Cuca e os jogadores esperam contar com o apoio da torcida.

Veja a classificação e a tabela de jogos do Brasileirão

Se o Atlético-MG não aparece entre os clubes com melhor média de público da competição, pelo fato de jogar em estádios com capacidades inferiores a 20 mil pessoas, o clube mineiro tem uma taxa de ocupação superior a 80%. A cada dez ingressos que foram colocados à venda nos jogos do Atlético-MG como mandante, oito foram vendidos. Sabendo da força da torcida alvinegra, Cuca pede que os atleticanos se unam ao time.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

“Estamos fechados entre nós e precisamos que o torcedor feche com a gente. Ele pode ser fundamental, feche com a gente, como a gente precisa sábado contra o Avaí, que vamos dar a vida para sair desse momento ruim”, disse Cuca, que ressalta a vontade que os jogadores alvinegros.

“Você vê a vontade que os jogadores estão de sair dessa situação, o pessoal sofre. O torcedor sofre, mas o jogador sofre mais. Sai em aeroporto e é xingado, vai a qualquer lugar é cobrado. Mas podemos sair dessa situação, mas só vamos sair com a força da arquibancada, que é uma coisa que o Atlético tem forte”.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

Apesar de ser um jogo de confronto direto, a tarefa do Atlético-MG não vai ser nada fácil. Em dez partidas como mandante, o time mineiro somou apenas dez pontos e tem a terceira pior campanha como equipe local. Do outro lado o Avaí, que se não vai muito bem em casa, fora tem o nono melhor desempenho, com mais pontos conquistados fora do Estádio da Ressacada do que dentro dele.

“O Avaí tem grandes jogadores, mas contaremos com o apoio da nossa torcida e nosso único pensamento precisa ser ganhar mais uma, já que se trata de outro adversário direto e poderemos sair desse pelotão de baixo, na próxima rodada. É o chamado jogo de seis pontos, mas temos que manter a concentração, pois, mesmo com o apoio da nossa torcida, é um desafio que está longe de ser fácil”, disse o atacante Guilherme.

Leia tudo sobre: Atlético-MGBrasileirão 2011Cuca

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG