Tamanho do texto

Time goianiense bateu o xará mineiro por 1 a 0 com gol de Vítor Júnior na segunda etapa

nullO Atlético-GO atrapalhou a reação do Atlético-MG no segundo turno do Brasileirão. O time goianiense bateu o mineiro por 1 a 0, na noite desse sábado, no estádio Serra Dourada. O gol da partida foi de Vítor Júnior , driblando o goleiro Renan Ribeiro depois de uma pressão forte na segunda etapa.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

Com o resultado, o time comandado por Cuca pode voltar à zona de rebaixamento dependendo dos resultados dos jogos de domingo. Já a equipe de Hélio dos Anjos segue em posição intermediária na competição, mas se afastou da zona da degola.

"Uma vitória muito importante pela nossa situação, pelo adversário, e pela dificuldade da partida. Jogo difícil, dramático. Pude ajudar com uma defesa no final da partida", avaliou o goleiro e capitão do Atlético-GO, Márcio.

Do lado alvinegro, os jogadores acharam o resultado injusto. "Jogo de igual para igual. Merecíamos ao menos um empate pelo que criamos no primeiro tempo", lamentou-se Pierre.

Veja a classificação e tabela completa de jogos do Brasileirão 

Atacante Guilherme foi titular no Atlético-MG contra o goianiense
Gazeta Press
Atacante Guilherme foi titular no Atlético-MG contra o goianiense
A defesa do Atlético-MG deu um susto na torcida logo no começo do jogo. Leonardo Silva perdeu bola de maneira infantil e Vitor Júnior desperdiçou uma chance incrível. O troco veio em uma bela finalização de primeira de Daniel Carvalho, que parou nas mãos de Márcio. Guilherme chegou a abrir o placar, mas o gol foi anulado pois o atacante estava em impedimento.

Veja como foi o duelo entre Atlético-GO e Atlético-MG no primeiro turno

Cuca foi obrigado a fazer duas substituições ainda no primeiro tempo, já que Neto Berola e Réver deixaram o campo contundidos. Richarlyson e Werley foram as opções do treinador alvinegro. As mudanças não fizeram bem ao time, que recuou na partida. O Atlético-GO perdeu boa chance com Anselmo, que cabeceou com perigo depois de escanteio.

Em contra-ataque rápido, o jovem Bernard quase marcou depois de driblar o marcador e chutar nas redes pelo lado de fora. “Era para pegar de primeira. Como sou destro, podia pegar errado. Era chance clara de gol”, lamentou-se Bernard.

No início da segunda etapa, o Atlético-GO teve um gol mal anulado pela arbitragem. Vitor Júnior tentou logo na sequência, mas também errou o alvo. O gol dos goianienses parecia questão de tempo, já que Bida soltou uma bomba e Renan Ribeiro defendeu com segurança.

Mas o goleiro do time mineiro nada pôde fazer quando Vítor Júnior penetrou com velocidade na área. O meia rubro-negro ainda driblou Renan Ribeiro antes de abrir o placar no Serra Dourada. Já no desespero, Cuca promoveu a entrada de Marquinhos Cambalhota, mas a alteração não surtiu efeitos.

O fim da partida foi de fortes emoções. Joílson, que entrou nos minutos finais, ainda acertou a trave de Renan Ribeiro. Serginho quase empatou de cabeça, mas Márcio assegurou a vitória em uma bela defesa.

Veja as imagens deste sábado pelo Brasileirão :

FICHA TÉCNICA – ATLÉTICO-GO 1X0 ATLÉTICO-MG

Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 17 de setembro de 2011, sábado
Horário: 18h (de Brasília)
Árbitro: Paulo César Oliveira (SP)
Assistentes: Emmerson Carvalho (SP) e Thiago Brígido (CE)
Renda: Não divulgada
Público: Não divulgado
Cartões amarelos : Thiago Feltri e Vítor Júnior ATL-GO)

Gols:
Atlético-GO: Vítor Júnior, aos 16 minutos do segundo empo

ATLÉTICO-GO: Márcio; Adriano, Anderson, Leonardo e Thiago Feltri (Ernandes); Agenor, Ernandes, Bida (Joílson) e Vitor Júnior; Juninho e Anselmo (Paulo Henrique)
Técnico: Hélio dos Anjos

ATLÉTICO-MG: Renan Ribeiro; Serginho, Réver (Werley), Leonardo Silva e Triguinho; Pierre, Fillipe Soutto, Bernard e Daniel Carvalho; Neto Berola (Richarlyson) e Guilherme (Marquinhos Cambalhota).
Técnico: Cuca