Empate em 1 a 1 foi o suficiente para garantir o 12º título do Campeonato Goiano à equipe da capital

O Atlético-GO empatou em 1 a 1 com o Goiás neste domingo, no Serra Dourada, e conquistou, pela primeira vez, o bicampeonato estadual. A vitória simples foi suficiente para assegurar a 12ª taça do Campeonato Goiano para o clube, que havia empatado a primeira partida da final em 1 a 1.

Por ter feito melhor campanha na primeira fase da competição, o Atlético-GO pôde novamente empatar. Apesar da vantagem, o time se lançou ao ataque e saiu na frente ainda no primeiro tempo, com Adriano. O Goiás chegou ao empate, mas já aos 47 da segunda etapa, sem tempo para virar. 

Jogadores do Atlético-GO comemoram bicampeonato inédito
Futura Press
Jogadores do Atlético-GO comemoram bicampeonato inédito

O jogo

Precisando da vitória para sair com o título, o Goiás foi ao ataque nos primeiros minutos do jogo. Guto, sozinho, na entrada da área, desperdiçou ao bater por cima do gol de Márcio. Em bola parada, o Goiás tentou duas vezes, com Oziel e Tolói, mas a zaga conseguiu afastar.

Apesar das investidas do Goiás, quem saiu na frente no placar foi o Atlético. Adriano fez linda jogada individual, cortou dois marcadores e bateu para o gol. A bola, que já iria entrar, bate no peito de Amaral e foi para o fundo da rede.

O gol, que aumentou a vantagem do Atlético-GO, desorganizou o Goiás e a equipe passou a errar muitos passes, chegando pouco ao ataque. Quando chegava, o Esmeraldino esbarrava em Gilson que, ao lado de Anderson, garantia a segurança da defesa tricolor.

Na segunda etapa, o Atlético-GO voltou melhor e assustou com Felipe e Marcão. O Goiás respondeu com Carlos Alberto, mas Márcio fez a defesa. Tolói, ainda tentou ao fazer linda inversão para Robert, mas o meia não alcançou a bola.

Um lance curioso marcou a partida. O árbitro Paulo César de Oliveira se confundiu e mostrou o cartão vermelho para o zagueiro Marcão, assustando a torcida do Goiás. Percebendo o erro, pediu desculpas e advertiu o jogador com o amarelo.

Com o segundo tempo chegando ao fim, o Goiás foi todo ao ataque e conseguiu marcar um gol, com Guto, mas já aos 47 minutos, não sendo suficiente para impedir o título do rival.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.