Leandro, André Lima e Miralles mantém 13º colocação no ranking de finalizações do Brasileirão

Não adiantou recuperar os machucados Leandro e André Lima . Estrear o contratado Miralles . Ou até mesmo mudar de técnico.

Entre para a Torcida Virtual do Grêmio e convide seus amigos

Twitter iG Grêmio: Notícias e comentários em tempo real

O ataque do Grêmio completou, na derrota para o Cruzeiro , cinco jogos de jejum de gol – Junior Viçosa foi o último avante a balançar a rede rival diante do Bahia no distante dia 5 de junho . Pior: mantiveram a 13º colocação no ranking de finalizações do Brasileirão. Os números são do Footstats e estão disponíveis no aplicativo iG Esporte para iPhone e iPad.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

São 39 conclusões certas (4,9 em média), 56 erradas (7,0 em média) e 41,1% de aproveitamento nos oitos jogos da competição. Nos últimos dois, Avaí e Cruzeiro, por exemplo, André Lima não conseguiu finalizar nenhuma vez – é verdade que também não foi acionado. Leandro e Miralles têm uma cada.

Basta ver que o maior finalizador do time é Fábio Rochemback, um volante. Em sete partidas, ele somou sete chutes. Um por jogo.

A pouca produtividade se reflete no número de gols marcados e, claro, na tabela de classificação. Com oito pontos, o time gaúcho é o 16º colocado, escapando da zona de rebaixamento pelo saldo. O ataque marcou nove gols sendo o 14º melhor do torneio.

A chance de melhorar é domingo, no Olímpico, contra o Coritiba.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.