Tamanho do texto

Depois de fazer gols por sete rodadas consecutivas, Atlético-MG passou em branco diante do Atlético-GO

Depois de sete jogos pelo Campeonato Brasileiro o Atlético-MG deixou o campo sem fazer pelo menos um gol. Na derrota para o Atlético-GO por 1 a 0 , no Serra Dourada, o time alvinegro até que tentou, foram 12 finalizações no total, porém somente duas foram no alvo, de acordo com os números do Footstats . Mas o número preocupante foi o acerto dos atacantes. Nenhuma das duas defesas do goleiro Márcio foi em chute dos avançados do Atlético-MG.

Tenha as estatísticas no seu iPhone e faça comparações entre times e jogadores

O goleiro do Atlético-GO defendeu um chute do meia Daniel Carvalho e uma cabeçada do volante Serginho . Na única vez que um atacante alvinegro acertou o gol, com Guilherme aos 12 minutos do primeiro tempo, o lance foi invalidado, já que o auxiliar Thiago Brígido assinalou impedimento. O fraco desempenho dos atacantes tem preocupado os atleticanos.

Siga o Twitter do iG Atlético-MG e receba notícias do time em tempo real

Apesar de ser o setor da equipe que mais recebeu investimentos , o clube não tem uma dupla de ataque definida desde a saída de Diego Tardelli e Obina . Contratado por R$ 14 milhões, Guilherme ainda não rendeu o esperado e tem sido o jogador mais cobrado pela péssima campanha do Atlético-MG no Brasileirão. O técnico Cuca saiu em defesa do camisa 9.

Entre para a Torcida Virtual do Atlético-MG e convide seus amigos

“Eu dou liberdade para o Guilherme. Contra o Atlético-GO ele jogou do jeito que ele queria, na frente, livre e solto. O que não podemos é culpá-lo pela derrota. Ele teve algumas chances, mas a bola não chegou muito. Ele tem a parcela de culpa dele, mas dividida com todos os outros jogadores. A parcela dele não é maior nem menor do que a de ninguém”, disse o treinador, que ainda cobra mais chegada dos jogadores do meio ao ataque.

“Temos que ter uma força ofensiva maior. Uma jogada individual pode decidir o jogo. Estou sempre batendo na tecla de que temos que entrar mais dentro da área. Nossos meias precisam entrar mais na área e ser esse jogador que faz gols. Não podemos deixar apenas um ou dois atacantes chegarem”.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.