Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

"Assis não queria Ronaldinho no Flamengo", diz agente palmeirense

Roberto Tadeu estava intermediando as negociações do Palmeiras com o irmão e agente do meia-atacante

Gazeta Esportiva |

Após anunciar neste domingo que está oficialmente fora da disputa por Ronaldinho Gaúcho, o Palmeiras aproveitou para revelar detalhes das negociações com o craque. Roberto Tadeu, empresário que designado pelo Palmeiras para intermediar a negociação, contou que Assis, empresário e irmão de Ronaldinho, não queria o atleta atuando no Flamengo.

"Quando começamos a negociar, em julho de 2010, o Assis disse que não tinha interesse em levar Ronaldinho para o Rio de Janeiro por achar que o Flamengo não tinha estrutura financeira para pagar o jogador e temia alguns possíveis problemas na noite de lá", disse o empresário em entrevista à rádio Bandeirantes.

De acordo com Tadeu, em uma reunião em novembro, que contou até com a participação do técnico Luiz Felipe Scolari, Assis avisou que apenas o Grêmio podia frustrar os planos palmeirenses. "Naquele momento começamos a sentir que tínhamos outros adversários. O Assis nos disse que o único clube que poderia nos atrapalhar era o Grêmio, pela estrutura e pela história do clube. Novamente o agente disse que não gostaria de ver o irmão atuando no Rio de Janeiro".

Apesar disso, o destino de Ronaldinho Gaúcho deve mesmo ser o Flamengo. Neste sábado, o diretor do Milan, Adriano Galliani, afirmou que as chances do astro jogar no clube carioca são de 99,9%. Grêmio e Palmeiras anunciaram que não irão mais negociar com o irmão e agente do meia-atacante

Leia tudo sobre: MilanRonaldinho GaúchoGrêmioPalmeirasFlamengo

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG