Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Arrependido com período na Europa, Alex Silva aconselha Casemiro

Zagueiro do São Paulo também elogiou a fase do meia Lucas: ¿para parar o homem só se estiver armado¿

Levi Guimarães, iG São Paulo |

Dois dias depois de o volante Casemiro pedir publicamente para ser mais valorizado pelo São Paulo, a atitude do jovem de 19 anos foi condenada por um dos veteranos da equipe, Alex Silva. O zagueiro afirmou nesta quinta que o assunto deveria ter sido tratado de forma interna e disse ter conversado com Casemiro, utilizando inclusive seu próprio exemplo para aconselhar o garoto a pensar bem antes de aceitar uma proposta do exterior.

Alex não considera que sua passagem pela Alemanha, onde defendeu o Hamburgo, tenha sido um fracasso total. Ele lembrou que chegou à semifinal da Copa da Uefa e da Copa da Alemanha. Mas aponta algumas dificuldades - como a necessidade de jogar fora de posição, a adaptação ao país e a fisioterapia atrasada em relação ao Brasil - como motivos para se arrepender de ter deixado o Brasil em 2008.

“Acho que o futebol alemão não é pra mim. Me arrependi [de ter ido para o futebol europeu]. Achei que as coisas iam ser diferentes. Eu falo isso para Lucas, Casemiro, que ouvi dizendo que teve propostas de fora. Não é fácil. Mas fui, também retribuí o São Paulo financeiramente, e quando voltei recebi propostas de clubes mineiros, do Flamengo e o coração bateu mais forte pelo São Paulo. A proposta financeira foi menor, mas foi o São Paulo que me deu estrutura e que apostou em mim”, disse o camisa 3.

Satisfeito com a atual fase no São Paulo e otimista em relação à possibilidade de ser contratado em definitivo pelo clube, Alex usa a experiência negativa para aconselhar Casemiro. E torce para que o companheiro não tome uma decisão precipitada por conta de ansiedade.

“O conselho que dei quando conversei com o Casemiro ontem é que tem coisas que não devem ser ditas publicamente. Questão de aumento tem que ser interno, dele com a diretoria. É um jogador jovem, que pode chegar à seleção principal. Passe pra ele o que aconteceu comigo lá fora. Às vezes eles se iludem com a Europa, aí chega lá jovem, solteiro e vai ter dificuldade. Esse é o tipo de conselho, se eles vão ouvir é com eles”, disse.

“Só armado”

Alex Silva também entrou para o “clube” de admiradores do meia Lucas. Questionado sobre como seria marcar o camisa 7 são-paulino caso ele defendesse outra equipe, o zagueiro encontrou uma forma bem-humorada de elogiar a ótima fase pela qual passa o companheiro.

“Se eu mudar de time eu ia ter que jogar com dois ‘três oitão’ pra ele não passar. Porque esse homem aí tá difícil de marcar, só estando armado mesmo”, disse rindo.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG