Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Arouca será reavaliado e Léo e Dracena estão liberados para decisão

Volante ainda é dúvida para o clássico contra o Corinthians neste domingo, no Pacaembu

Samir Carvalho, iG Santos |

Após o duelo contra o América, do México, na última terça-feira, em Querétaro, que garantiu a classificação do Santos para as quartas de final da Copa Libertadores, três titulares – Edu Dracena, Arouca e Léo – deixaram o campo reclamando de dores e poderiam ficar de fora do clássico contra o Corinthians no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Pacaembu, pela final do Campeonato Paulista.

No entanto, o departamento médico santista já confirmou Léo e Dracena contra o Corinthians e já agendou um exame de ressonância magnética para avaliar melhor a situação de Arouca.

“Clinicamente ele sente dores, só o exame que vai definir, mas nós não descartamos que ele possa jogar no clássico, caso não seja detectada nenhuma lesão. Tirando o Arouca, apesar das dores e cansaços, ninguém está vetado para esse jogo”, afirmou o médico do Santos, Mauricio Zenaide.

Apesar das dores musculares, Arouca já adiantou que não se trata da lesão no músculo adutor da coxa direita, que o deixou fora dos gramados por dois meses. “Eu espero que não seja lesão, o exame que vai definir. Se for é uma nova lesão, não é a mesma”, afirmou Arouca.

Já Léo deixou o campo reclamando de dores na coxa direita, enquanto Edu Dracena sofreu um corte no nariz. "Estava com dores no joelho e no rosto, provocados por choques durante a partida no México. Mas o que mais preocupa é um incômodo no músculo adutor da coxa direita", disse Léo, que espera enfrentar o Corinthians.

"Como ainda temos três dias até o confronto com o Corinthians, vou me empenhar no tratamento para que eu esteja em campo no Pacaembu", concluiu.


 

Leia tudo sobre: santosléoaroucaedu dracenacampeonato paulista 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG