Tamanho do texto

Camisa 10 do Cruzeiro disse que jogadores são os culpados pela má fase do time no Brasileirão

O argentino Montillo foi um dos poucos jogadores do Cruzeiro poupados no protesto feito por torcedores no desembarque do time no último domingo, em Confins. O camisa 10 do Cruzeiro perdeu uma penalidade na Vila Belmiro na derrota para o Santos, por 1 a 0 , mas continua em alta com a torcida. Sabendo da sua credibilidade, Montillo defendeu o técnico Emerson Ávila.

Siga o iG Cruzeiro no Twitter e receba todas as informações do seu time

Apesar da má fase do Cruzeiro, Montillo ainda consegue se sobressair, sendo o terceiro colocado entre os artilheiros do Brasileirão com doze gols (está atrás de Borges e Leandro Damião). O jogador afirmou que o mau momento do time não pode ser atribuído ao técnico Emerson Ávila, que ainda não venceu em três rodadas à frente do clube mineiro.

Entre para a torcida virtual do Cruzeiro e convide os seus amigos

"Ele (Emerson Ávila) é um cara que sabe muito, muito boa gente, que nós queremos que ele continue com a gente. Trabalha bem, mas infelizmente pegou o time em um momento ruim nosso. Acho que parte da culpa também é dos jogadores que entramos em campo e não conseguimos fazer o melhor", explicou Montillo.

Montillo acredita que a falta de sequência de um mesmo time pode ser um dos fatores responsáveis pela queda de produção da equipe celeste. “É difícil não conseguir jogar com o mesmo time em duas partidas seguidas, desde que começou o campeonato que o Cruzeiro não consegue isso. Então temos que melhorar muito e vamos tirar o Cruzeiro dessa situação", concluiu.null

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.