Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Argel e técnico do Palmeiras-B trocam farpas após jogo do Guarani

Ex-zagueiro diz que paulistas atuaram de forma vergonhosa, e rival rebate: "Argel quer aparecer"

Gazeta |

O técnico do Guarani, Argel, e o treinador do Palmeiras-B, Adaílton Ladeira, trocaram farpas após o fim da partida entre as equipes, que acabou com um empate sem gols. Com o resultado, o Guarani chegou aos quatro pontos na competição, enquanto o Palmeiras-B fez seu primeiro ponto no torneio. 

Argel reclamou do modo que o time B do Palmeiras atuou. "É uma vergonha jogador ficar se jogando no chão com 20 minutos do segundo tempo. Fica feio para qualquer time. Cada um usa as armas que tem. O empate foi bom para eles", disse o técnico da equipe de Campinas.

Adaílton Ladeira fez duras reclamações ao comportamento de Argel. "Ele (Argel) fala muita bobagem. Quem cuida do meu time sou eu. O Argel fala muito e produz pouco, quer aparecer, impressionar, mas eu não tenho medo dele. Já fiz muito mais do que ele no futebol", afirmou Adaílton, em entrevista à "Rádio Bandeirante"s de Campinas.

Quando perguntado se tinha algum problema antigo com Argel, o técnico do Palmeiras-B seguiu com as críticas. "Eu sabia que o Argel era um zagueirão ruim demais. Agora ele quer colocar banca. Para, fica na dele", finalizou Adaílton.

Leia tudo sobre: GuaraniPalmeirasArgel

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG