Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Árbitro da primeira final do Pernambucano é ameaçado de morte

Cláudio Mercante é contestado pela torcida do Sport por não ter expulsado Thiago Matias, do Santa Cruz

Gazeta |

O árbitro Cláudio Mercante foi ameaçado de morte, por meio da internet, telefone, e até pessoalmente, pela sua atuação no jogo de ida da final do Campeonato Pernambucano. Ele é contestado pela torcida do Sport por não ter expulsado o zagueiro Thiago Matias, do Santa Cruz, após falta dura em Bruno Mineiro.

Junto à Federação Pernambucana de Futebol, ele vai dar entrada na Secretaria de Defesa Social (SDS) com um pedido de garantia de vida. Nesta quinta-feira, o diretor jurídico e vice-presidente da FPF, Evandro Barros Carvalho, vai com o árbitro até a entidade.

"Estou me sentindo muito mal. Dentro de campo sou um árbitro, mas fora dele um cidadão comum, que trabalha e tem família. É muito ruim ter medo de sair na rua", lamentou Mercante ao Jornal do Commercio.

A diretoria do Sport havia pedido um árbitro de fora do estado para apitar a final, mas só será atendida na segunda partida: o paulista Sálvio Spinola Fagundes Filho está escalado. O Santa Cruz venceu o primeiro jogo por 2 a 0, na Ilha do Retiro.

Leia tudo sobre: Campeonato Pernabucano 2011sportsta cruz

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG