Federico Beligoy iria apitar a final do Campeonato de Santa Fé e lhe foi oferecido 13 mil pesos para fazer o Cafferatense vencer

O árbitro argentino Federico Beligoy denunciou nesta terça-feira um policial que tentou suborná-lo no domingo passado para favorecer uma equipe de um campeonato de futebol local.

"Me disseram que tinha que discutir sobre os temas de segurança antes do começo do jogo, e depois me disseram que o presidente do clube me daria 13 mil pesos (U$ 3.250) se o clube local ganhasse", afirmou ao canal de televisão "Todo Noticias".

Beligoy iria apitar a final do Campeonato de Santa Fé entre o Cafferatense, donos da casa, e o Cañadense.

Após a tentativa de suborno, o árbitro, que costuma atuar na primeira divisão argentina, fez a denúncia e a partida foi suspensa.

O presidente do Cafferatense, Osvaldo Pierella, negou estar envolvido na tentativa de suborno, dizendo que "13 mil pesos são como US$ 1 milhão para nós".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.