Tamanho do texto

Empresário negou a existência de propostas e quer que o Imperador fique mesmo no futebol italiano

O empresário de Adriano, Gilmar Rinaldi, afirmou nesta segunda-feira que nenhuma proposta oficial ainda chegou à Roma. Também garantiu que recomendará ao atacante para permanecer no futebol italiano. Mas ponderou que o ex-jogador do Flamengo parece propenso a retornar para o Brasil.

"O Adriano está avaliando as propostas e parece propenso a voltar. Mas eu não o aconselharia a fazer isto", afirmou Rinaldi à TV Bandeirantes, ponderando que ainda falta um longo caminho para Adriano acertar com Corinthians ou Palmeiras.

"O Ronaldo falou com ele, o Felipão também, mas oficialmente não tenho nada. Oficialmente, não houve pedido para liberar. O Adriano confirmou qe conversou com o diretor (da Roma), disse que a situação não estava tão boa para ele, mas ninguém falou oficialmente com a Roma", explicou Rinaldi.

Sobre os boatos de que o Corinthians já teria acertado salário com Adriano, o empresário afirmou que não sabe de nada. "Até hoje se falou muito, que está tudo certo, que o salário está acertado. Eu não falei nada disso, não combinei salário com ninguém", disse Rinaldi.

Apesar do possível desejo de Adriano retornar ao futebol brasileiro, a presidente da Roma, Rosella Sensi, garantiu no domingo que não tem a intenção de liberar o atacante no próximo ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.