Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após vitória em "carpete", Muricy enaltece amadurecimento do time

Técnico da equipe da Vila Belmiro enalteceu a postura de seus comandados dentro de um criticado campo sintético

Gazeta |

Satisfeito com a exibição do Santos na virada sobre o Juan Aurich, no Peru, Muricy Ramalho enalteceu a postura de seu time dentro de um criticado campo sintético, em sua segunda vitória consecutiva na primeira fase da Copa Libertadores da América.

Deixe o seu recado e comente a notícia com outros torcedores

"Acho que o Santos fez um grande jogo. Soubemos nos impor diante de um adversário perigoso. O nosso time está amadurecendo e fazendo boas partidas. Estamos aprendendo a jogar a Libertadores", disse Muricy, em entrevista coletiva após o jogo em Chiclayo.

Leia mais: Borges comemora fim do jejum de gols pelo Santos

Segundo o treinador, os seus comandados tiveram muita dificuldade para jogar nos primeiros 20 minutos, por conta da adaptação ao gramado sintético do Elías Aguirre.

"Tinham dito que aqui era grama sintética, mas isso é carpete. Nossos atletas não estão acostumados a esse tipo de campo, tanto que tivemos que comprar tênis apropriados para os jogadores ontem (quarta). Sofremos no começo, pois precisávamos de tempo para nos adaptarmos aos gramado. O Juan Aurich nos pressionou. Mas soubemos contornar todos os problemas. Ganhamos porque respeitamos muito o nosso adversário", concluiu.

Veja também: Santos leva susto no começo, mas vence o Juan Aurich de virada

Com a vitória sobre os peruanos, o Santos pulou para a segunda posição no grupo 1 da Copa Libertadores, com seis pontos ganhos e três gols de saldo positivo. O Internacional-RS lidera a chave porque também têm seis pontos, mas com um saldo positivo de cinco gols. The Strongest (Bolívia), outro com seis pontos conquistados, está em terceiro, com saldo de -3. O Juan Aurich é o lanterna, sem ter somado nenhum ponto em três rodadas.

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG