Treinador do Botafogo acusou atual técnico do Atlético-MG de ser antiético por episódio em 2008

Antes da partida entre Atlético-MG e Botafogo , nesta quarta-feira, às 21h50, no estádio Lamegão, em Ipatinga, as atenções estarão voltadas para os dois bancos de reserva. A troca de farpas entre o técnico Caio Júnior , da equipe carioca, e Cuca , que assumiu recentemente o time mineiro, é um dos atrativos da partida válida pela Copa Sul-Americana . Porém, para o treinador do Botafogo, o assunto está superado.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Nas últimas semanas, quando o Botafogo atravessava uma fase de quatro partidas sem vitória, Caio Júnior teve que ouvir gritos da torcida pedindo a contratação de Cuca, na época desempregado após sair do Cruzeiro. O treinador do Botafogo, após se recusar a comentar o fato num primeiro momento, desabafou sobre o colega de profissão e revelou uma mágoa por, segundo ele, Cuca ter negociado com o Flamengo em 2008, quando Caio Júnior ainda comandava o time da Gávea.

Entre para a torcida virtual do seu time e o ajude a assumir a liderança do ranking

“Ele afirmou que é meu amigo, mas eu não sou dele. Sou amigo dos meus amigos. Não existe união na classe de técnicos. Eu vivi essa situação e lamento muito porque foi triste na minha carreira. Procuro ser sério e profissional, mas tenho que denunciar isso", disparou Caio Júnior em entrevista à rádio Globo.

Cuca se defendeu e declarou que só começou a negociar com o Flamengo quando a saída do antigo treinador já estava decidida, afirmando que a declaração havia sido dada em um momento de ‘cabeça quente’ pela pressão por resultados.

Cuca estreia no Atlético-MG contra o Botafogo
Flickr/Clube Atlético Mineiro
Cuca estreia no Atlético-MG contra o Botafogo
Nesta terça-feira, ao ser questionado sobre o reencontro e o duelo entre ambos, Caio Júnior declarou que o assunto deve ser deixado no passado e minimizou em poucas palavras a discussão. “Não terá nada de diferente, será uma partida normal. Já nos enfrentamos em outras oportunidades e acho que esse assunto está ultrapassado. Não tenho nada mais para falar sobre isso”, disse o técnico Caio Júnior.

Bom retrospecto botafoguense
Outra curiosidade sobre a partida desta quarta-feira está no recente domínio do Botafogo sobre o Atlético-MG. Nos últimos 19 jogos entre as duas equipes, foram seis empates, 12 vitórias e apenas uma derrota da equipe carioca, a última em 2008, pelo Campeonato Brasileiro.

Além do retrospecto desfavorável, as derrotas do time mineiro para o Botafogo foram traumáticas. Eliminação nas Copas do Brasil de 2007 e 2008, nas quartas de final, e na Copa Sul-Americana de 2008, após duas vitórias tranquilas de 3 a 1 e 5 a 2. Na última partida entre ambos, pelo Brasileirão de 2010, vitória do Botafogo por 2 a 0, com gols de Edno e Loco Abreu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.