Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após reunião, Santos rescinde contrato do volante Roberto Brum

Jogador deixa o Santos após dois anos e meio na Vila Belmiro, onde conquistou o Paulista e a Copa do Brasil

Samir Carvalho, iG Santos |

O volante Roberto Brum não é mais jogador do Santos. O atleta não estava nos planos do técnico Adilson Batista para a disputa desta temporada, e a diretoria santista rescindiu o contrato do jogador após uma reunião na tarde desta segunda-feira, na Vila Belmiro.

Brum, que tinha vínculo com o clube até julho deste ano, deixa o Santos após dois anos e meio de clube, e está livre para acertar com outra equipe. Como o atleta tinha contrato com o Santos, os dirigentes foram obrigados a pagar a rescisão contratual do atleta, e as premiações que deviam ao jogador.

“A plenitude de quem aceita a Jesus Cristo se cumpriu na minha vida aqui em Santos. Foram diversas conquistas, dentro e fora de campo. Além dos dois títulos, tive vitórias na minha vida social e espiritual aqui em Santos. Quero agradecer a todos, principalmente a torcida e as igrejas de Santos”, afirmou o volante Roberto Brum.

Além das conquistas, Brum enfrentou diversas dificuldades no clube. O volante foi afastado pelos técnicos Cuca e Vanderlei Luxemburgo, que comandaram a equipe nesse período. No segundo semestre de 2009, o jogador foi emprestado ao Figueirense, e retornou ao Santos na temporada passada, quando chegou a ser capitão do time comandado por Dorival Júnior.

No entanto, o atleta não estava nos planos de Adilson Batista, que pediu a contratação do volante Charles, ex-Locomotiv Moscou, da Rússia, e que ficará por empréstimo no clube até o fim desta temporada. Além de Charles, o treinador conta no elenco com mais quatro volantes: Arouca, Adriano, Rodrigo Possebon e Rodriguinho.

 

 

Leia tudo sobre: santosroberto brum

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG