Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após gol, Ganso revela piada com o juiz sobre o goleiro adversário

“Eu brinquei com o juiz: pode dar seis, sete minutos, que não adianta. O Márcio está inspirado”, disse

Samir Carvalho, iG Esporte |

null

O meia Paulo Henrique Ganso , que marcou o gol salvador do Santos aos 50 minutos do segundo tempo, no empate da equipe santista diante do Atlético-GO por 1 a 1 nesta quinta-feira, no estádio do Pacaembu, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, mostrou que já estava conformado com a derrota.

Santos já pensa no Japão, mas Brasileirão não acabou! Confira a classificação atualizada

Bastante assediado pelos repórteres na saída de campo, o camisa 10 revelou uma conversa com o árbitro Alício Pena Junior no final da partida. Após o juiz conceder seis minutos de acréscimo, Ganso brincou com o árbitro ao comentar o desempenho do goleiro Márcio, do Atlético-GO.

“Eu tinha brincado com o juiz, pode dar seis, sete minutos, que não adianta. O Márcio está inspirado demais”, revelou o jogador.

Leia também: Neymar elogia Ganso e pede para torcida da capital ir ao Japão

Com um jogador a mais em campo devido à expulsão do volante Agenor, o Santos pressionou bastante nos 15 minutos finais da partida. Porém, o goleiro Márcio fez diversas defesas, salvando o Atlético-GO, que apostava na retranca para segurar a vitória por 1 a 0.

Ganso comemorou bastante o seu primeiro gol após o retorno aos gramados. A partida contra os goianos foi a segunda do camisa 10 depois do tratamento de uma lesão muscular, que o tirou dos campos por 13 partidas.

“O pessoal todo pediu para eu chutar e fui abençoado com esse gol. Essa recuperação foi muita boa, dedico o gol ao pessoal que me apoiou. Eu nunca quis sentir a lesão, isso é passado, estou vivendo o presente e quero continuar assim. Consegui tirar um coelho da cartola, um belo chute que nos salvou da derrota”, disse o meia.

Entre para a Torcida Virtual do Santos e comente sobre o gol de Ganso


 

Leia tudo sobre: santosatlético-gogansoalicio pena juniormárciobrasileirão 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG