Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após fracassos, Paraná estuda listão

Dos 12 reforços, alguns já podem ser dispensados. Técnico Roberto Cavalo pede mais contratações

Altair Santos, iG Curitiba |

Não faz nem um mês que o Paraná Clube contratou um pacote de 12 reforços e, passadas quatro rodadas do Campeonato Paranaense, já está em estudo a dispensa de alguns jogadores. O motivo é a posição que a equipe ocupa na classificação. É, nada mais nada menos, que o lanterna da competição, com 1 ponto em 12 disputados.

Após a derrota por 3 x 1 para o Roma Apucarana, na quarta-feira, o técnico Roberto Cavalo saiu esbravejando contra o time. “Não fizeram nada que foi combinado. Fomos pressionados pelo Roma o tempo todo. Vai ser preciso reforçar para conseguir almejar algo no campeonato”, desabafou.

Entre os jogadores cotados para entrar num possível listão estariam os zagueiros Carlinhos e Onildo, o meio-campista Alan e os atacante Paulo Matos e Zé Paulo. No Paraná ainda não se admite abertamente as dispensas, mas o vice de futebol Paulo César Silva soltou uma frase emblemática após o jogo em Apucarana. “É claro que assim como está não dá para ficar”, disse.

Além de mirar novas contratações – entre elas, de, pelos menos, um zagueiro experiente e um atacante -, o Paraná aposta também na reintegração de Kelvin (vendido ao Porto, mas com chances de disputar o estadual pelo clube) e na estreia de Kerlon para dar mais qualidade técnica ao time. A expectativa de que os dois vistam a camisa do Paraná no campeonato já leva a torcida a batizá-los de “dupla K-K”.
 

Leia tudo sobre: ParanáCampeonato Paranaense 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG