Mesmo com o reforço de Renan, ex-Avaí, o corintiano afirma que não vai vender barato a vaga de titular

O goleiro Júlio César sabe que a pressão sobre ele vai aumentar bastante com a chegada do promissor Renan, ex-Avaí . Neste domingo, após o empate com o Flamengo, por 1 a 1 , no Rio, o atual titular mandou um aviso para quem questiona o seu trabalho. "Pode pegar no meu pé, pois pressão no Corinthians tem até no par ou ímpar". 

Com personalidade, Júlio César disse que batalhou muito para se firmar no clube do Parque São Jorge e que não vai vender barato a vaga de titular. "Não foram dois jogos que me fizeram ser titular. Lutei cinco anos para isso e não vou deixar cair agora", ressaltou. 

Ele lembrou que não vai ser o primeiro nem o último goleiro a ter de provar o seu valor, a todo instante, no Corinthians . Citou, por exemplo, o caso do goleiro Felipe , atual goleiro do Flamengo , que chegou a ser contestado no início na equipe paulista, mas depois se firmou. 

"Ele deu a volta por cima e tornou-se querido aqui", afirmou, omitindo que Felipe deixou o clube pelas portas do fundo, após desentendimento com a diretoria. Apesar da contratação de Renan, o técnico Tite garantiu que, por enquanto, não vai mexer no gol corintiano. 

"O Renan vai ter de ralar", comentou. Com o novo reforço a sua sombra, Julio Cesar ficou feliz com a confiança do treinador. "Sou corintiano acima de tudo e quero conquistar muitos títulos aqui. Estou com a cabeça boa." O goleiro considerou "positiva" a sua atuação contra o Flamengo e só lamentou o empate. "Infelizmente, não vamos voltar para São Paulo com a vitória."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.