Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após deixar o Santos, Brum assina contrato com clube do Chipre

Roberto Brum jogará no Alki Lanarca, que luta contra o rebaixamento no campeonato nacional do Chipre

Samir Carvalho, iG Santos |

Após rescindir contrato com o Santos, o volante Roberto Brum assinou contrato até julho de 2012 com o Alki Lanarca, do Chipre (país que fica ao sul da Turquia). O jogador se apresenta nesta quinta-feira ao seu novo clube, e já deve estrear no próximo final de semana, quando o Lanarca jogará contra o Apollon Limassol, em partida válida pela primeira divisão do campeonato nacional do Chipre.

Roberto Brum chega ao Alki Lanarca em situação semelhante de sua chegada ao Santos em 2008. Isso porque, o Lanarca é o antepenúltimo colocado na competição. Em seu primeiro ano na Vila Belmiro, Brum ajudou o Santos a escapar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

“Quando cheguei ao Santos em 2008, a equipe estava brigando contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, e profetizei que o Santos era como águia e daria vôos maiores no futuro, como aconteceu no ano passado. Tenho certeza que o Lanarca dará a volta por cima”, afirmou Brum, que não perdeu a oportunidade de citar passagens bíblicas.

“Chipre teve o privilégio de ser o primeiro país a ser visitado pelo apostolo Paulo, que depois levaria o evangelho para o mundo todo. Foi lá também que morou Lázaro, ressuscitado por Jesus. Aliás, o Lanarca também ressuscitará para as vitórias”, completou o jogador ao iG.

Brum chega para substituir o defensor Bruno Quadros, que teve passagens por Guarani, Cruzeiro e Flamengo no Brasil, e rescindiu contrato recentemente com o Alki Lanarca. O ex-volante do Santos deve encontrar dois jogadores brasileiros no Chipre: os atacantes Edmar e Sergião, desconhecidos no futebol brasileiro.

Após dois anos e meio jogando pelo Santos, Roberto Brum rescindiu contrato com o clube na semana passada. A saída do jogador acabou não sendo amigável, já que o volante fez revelações sobre a demissão do técnico Dorival Júnior em 2010, e será processado pelo Santos, que tratou as informações do jogador como “levianas e mentirosas”.


 

Leia tudo sobre: santosroberto brummercado da bola

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG