Clube de Fortaleza precisa apenas de um empate em casa para se classificar na Copa do Brasil

Após a golear o Guarani-CE por 5 a 0 , no último domingo, e conquistar o título de campeão cearense de 2011 sem precisar realizar a final, pois foi campeão dos dois turnos da competição, o Ceará agora tem outro desafio pela frente: o Flamengo , pelas quartas de final da Copa do Brasil.

Em entrevista, na tarde desta segunda-feira, à ESPN Brasil, o técnico Vágner Mancini declarou que é difícil conter o clima de euforia dos jogadores após a conquista, mas que logo a concentração dos atletas estará voltada só para a partida contra o Flamengo.

"Temos que ser inteligentes e não podemos deixar de comemorar, mas também não podemos ir aos extremos. Daqui a pouco voltamos a treinar e a se concentrar no Flamengo", disse.

O técnico comentou também sobre a importância do estádio Presidente Vargas, que estava passando por reformas e foi recentemente reinaugurado, ser o palco da partida.

"Tivemos uma felicidade imensa em ver que temos um novo estádio. O antigo Presidente Vargas não existe mais, ele está totalmente modernizado, o vestiário está muito bem feito. O único sinal que fazemos é que durante as obras esqueceram o campo, mas acho que podemos jogar um bom futebol", declarou o treinador.

Consciente, Mancini descarta o favoritismo do Ceará contra os cariocas. Mas ressalta que o time de Fortaleza só venceu no Engenhão porque acreditou que poderia conquistar um bom resultado: "Do mesmo jeito que nós vencemos no Rio, o Flamengo pode vencer aqui também, mas terá que suar sangue para tirar a vaga da gente", disse.

O segundo jogo das quartas de final da Copa do Brasil acontece na próxima quarta-feira, às 21h50 (horário de Brasília), no estádio Presidente Vagas. O Ceará que venceu a primeira partida , no Rio de Janeiro, por 2 a 1, conquista a vaga às semifinais da competição nacional com uma vitória simples, um placar igual com até dois gols e até com a derrota por 1 a 0.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.