Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após catorze anos, 'El Clasico' volta a valer taça na Espanha

Última decisão entre os arquirrivais Barcelona e Real Madrid foi disputada em 1997, pela Supercopa

Gazeta |

Além de todo o contexto político envolvendo a partida, a final da Copa do Rei entre Real Madrid e Barcelona, nesta quarta-feira, às 16h30 (de Brasília) tem mais um atrativo em relação à maratona de duelos entre os rivais. Após 14 anos, é a primeira vez que as equipes se enfrentam na decisão de um campeonato. Ou seja, o ganhador levará para casa um troféu.

A última final disputada foi em 23 agosto de 1997, quando as equipes promoveram o jogo de volta da Supercopa da Espanha, vencido pelos merengues por 4 a 1, no Santiago Bernabeu, com show de Raul. Como o primeiro duelo havia terminado 2 a 1 para o Barça, a taça ficou na capital espanhola.

Nessa competição, a hegemonia é blanca. Os dois times alcançaram a final em outras três oportunidades, nos anos de 1993, 90 e 88, todas vencidas pelo Real. Em 90, aliás, mais uma goleada por 4 a 1 do time da capital na partida decisiva.

Por outro lado, quando o assunto é Copa do Rei, como nesta quarta, o time azul-grená leva vantagem. Além de ser o maior vencedor do torneio, com 25 canecos, em cinco decisões disputadas contra o eterno adversário, os catalães saíram vitoriosos em três oportunidades, incluindo as duas mais recentes.

A última, por sinal, 21 anos atrás, foi disputada no mesmo estádio Mestalla, com triunfo do Barça por 2 a 0. Os autores dos gols foram Guillermo Amor e Julio Salinas.

Leia tudo sobre: futebol mundialespanhabarcelonareal madriddecisão

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG