Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após 70 dias, Rodrigo Possebon é relacionado para defender o Santos

Volante de 21 anos, que defendia o Manchester United, fica no banco diante do Vitória, nesta quarta-feira, e pode estrear pela equipe da Vila Belmiro

Samir Carvalho, iG São Paulo |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237861781074&_c_=MiGComponente_C

O volante Rodrigo Possebon foi relacionado pelo técnico Marcelo Martelotte para o duelo contra o Vitória, nesta quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), na Vila Belmiro, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro. É a primeira vez que o atleta é convocado para um jogo desde que chegou ao clube, no dia 23 de agosto. Desta forma, Possebon ficou cerca de 70 dias apenas treinando e integrou a equipe somente sub-23 do Santos.

Rodrigo Possebon chegou ao Santos vindo do Manchester United, da Inglaterra, para substituir Wesley, destaque santista no primeiro semestre e que foi negociado com o Werder Bremen, da Alemanha. No entanto, o atleta quase não treinou com o elenco e teve participação apagada nos jogos da equipe sub-23.

Como Arouca está lesionado e Rodriguinho cumpre suspensão, Possebon foi relacionado para o jogo desta quarta e pode aparecer no banco de reservas, já que é o único volante entre os reservas convocado por Martelotte.

Rodrigo Possebon foi comprado por um grupo de investidores, por um valor não divulgado, e repassado ao Santos gratuitamente. Ele assinou contrato com o clube até 2014.

O Santos possui 30% dos direitos econômicos do atleta e tem prioridade na compra de mais 25% até agosto de 2011. O valor está fixado em 550 mil euros (cerca de R$ 1,3 milhão).

Leia tudo sobre: campeonato brasileirofutebolsantos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG