Uruguaios chegaram em 12 ônibus para acompanhar a decisão entre Santos e Peñarol nesta quarta-feira

Os torcedores do Peñarol foram recebidos com pedradas e rojões pela torcida santista em volta do estádio do Pacaembu. Os uruguaios vieram em 12 ônibus e viajaram cerca de 32 horas para chegar ao local da decisão da Copa Libertadores da América, entre Santos e Peñarol nesta quarta-feira , às 21h50 (de Brasília).

Temendo ataques da torcida do Santos no caminho, os torcedores uruguaios, que saíram de Montevidéu na última segunda-feira, evitaram parar o ônibus para fazer refeições e viajaram sem parada ao Brasil. Desta forma, os torcedores fizeram as refeições dentro do ônibus.

A estratégia deu certo até a chegada ao Pacaembu, quando os torcedores do Peñarol foram recebidos com pedradas e fogos pela torcida santista. Alguns torcedores do Santos alegaram a reportagem do iG que estavam revidando o ataque dos uruguaios em Montevidéu.

Na quarta-feira passada, no estádio Centenário, após o Peñarol ter um gol anulado pela arbitragem no final da partida, a torcida começou a soltar rojões nos torcedores brasileiros que estavam na arquibancada. No entanto, antes do jogo iniciar em Montevidéu, o clima era de tranqüilidade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.