Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após 2011 para esquecer, Renan quer tranquilidade no Inter

Após a morte do pai e da mãe, goleiro espera ter ano mais calmo e quer ganahr nova chance no time

Gabriel Cardoso, iG Porto Alegre |

Rafael Antoniutti/Trato.Txt
Renan, goleiro do Inter
2011 foi um ano muito ruim para o goleiro Renan. Perder a condição de titular do Inter foi o menos grave. A mãe e o pai do jogador morreram no ano passado.

Veja também: Volante Tinga reaparece, mas ainda faz treino leve

Zilá Soares, 61 anos, faleceu em um acidente de carro, em março. Pouco mais de dois meses depois, Alberto Soares, 66, também faleceu.

“Para mim teve instabilidade profissional e pessoal em 2011. Espero que esse ano seja diferente, com o meu esforço, ter momentos mais tranquilos”, disse.

E ainda: Moledo rejeita rótulo na zaga e prefere destacar ataque do Inter

Ele é o goleiro reserva do Inter. Perdeu a condição para Muriel.

Com o novo ano, Renan espera uma nova trajetória. Ele confia que poderá retomar a condição de número um.

Grêmio tem a maior torcida do Twitter. Amplie a do Inter

“O ano passado mostrou que é difícil acabar como começa. Todos os goleiros do profissional tiveram chances. Eu trabalho com respeito, o Muriel terminou bem a temporada. Ele viveu um grande momento. A chance vai aparecer, não só para mim, mas para todos”, completou. 

Entre para a Torcida Virtual do Inter e convide seus amigos 

Leia tudo sobre: Internacionalrenan

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG