Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Após 16 meses fora, Essien voltará a defender Gana

Volante, que perdeu a Copa do Mundo por lesão, não joga por seu país desde a última Copa Africana de Nações

AE |

O meia Michael Essien voltou a ser convocado para defender a seleção de Gana, nesta terça-feira, para disputar o seu primeiro jogo pelo país após 16 meses de ausência. O jogador do Chelsea foi incluído na lista de 24 nomes divulgada pelo técnico Goran Stevanovic visando o confronto do dia 3 de junho, contra o Congo, em casa, pelas Eliminatórias da Copa Africana de Nações de 2012, e o amistoso do dia 7 do mesmo mês, contra a Coreia do Sul.

Essien defendeu Gana pela última vez em janeiro de 2010, justamente na última Copa Africana de Nações, antes de lesões encurtarem sua participação no torneio e o deixarem fora da Copa do Mundo do mesmo ano, na África do Sul, onde o seu país chegou às quartas de final.

O jogador de 28 anos de idade recebeu um longo tempo de Gana e do Chelsea para se concentrar em sua recuperação, mas ele anunciou neste mês que estava pronto para voltar a defender a seleção do seu país.

Goran Stevanovic também incluiu o volante Kevin-Prince Boateng, do Milan, o atacante Muntari, do Sunderland, e o meia Andre Ayew, do Olympique de Marselha, em sua convocação desta terça-feira.

Gana lidera o grupo I das Eliminatórias da Copa Africana de Nações, com sete pontos, mesma pontuação do Sudão, que está em desvantagem no saldo de gols. Na rodada passada do qualificatório, a seleção ganesa bateu o Congo por 3 a 0, fora de casa.

Leia tudo sobre: Futebol MundialInglaterraChelseaEssienGana

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG