Único time que treinou forte foi o reserva, porém, Renato Gaúcho não divulgou escalação

Divulgação
No treino desta sexta, Renato participou de rachão com os jogadores
O treino desta sexta-feira não indicou a escalação. Na entrevista coletiva, o técnico Renato Gaúcho evitou falar em time titular ou reserva. E a lista de concentrados, prática no clube por muitos anos, não é mais divulgada desde o fim de janeiro. Então, saber qual Grêmio enfrenta o Caxias, neste sábado, no Olímpico, pelo Gauchão, virou tarefa quase impossível.

Um detalhe, porém, passou desapercebido por Renato. Bastava prestar atenção na saída dos jogadores do vestiário para determinar quem iria ao hotel da concentração ou para casa: o uso do uniforme do clube era a senha. Ao ver os repórteres atentos ao embarque dos atletas no ônibus, o treinador começou a rir. E disse:

“Não querem a lista logo?”.

Foi apenas uma brincadeira. Após a contagem de 22 jogadores, a conclusão: Paulão, Rafael Marques e Bruno Collaço, apenas três titulares, não estão no grupo dos concentrados. Victor, Gabriel, Lúcio, André Lima, Júnior Viçosa, Douglas, Fábio Rochemback e Vinícius Pacheco embarcaram no veículo.

O problema é que desde quarta-feira, quando eliminou o Liverpool pela Libertadores, o Grêmio titular não treinou taticamente. Na quinta, uma equipe reserva fez um coletivo contra os juniores. A escalação: Marcelo Grohe; Mário Fernandes, Vilson, Rodolfo e Gilson; Willian Magrão, Adilson, Mateus Magro e Maylson; Diego Clementino e Borges, todos estes relacionados. Neuton, Jailton e Denner completam o grupo.

“Tudo pode acontecer. Divulgo apenas 45 minutos antes do jogo”, disse Renato na entrevista.

O Caxias é o líder da Chave 1 do primeiro turno do Estadual. O Grêmio, o segundo da Chave 2.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.