Tamanho do texto

Contra o Cruzeiro, atacante perdeu pênalti, finalizou menos e perdeu mais bolas em relação ao jogo ante o Flamengo

nullApesar de ter jogado os 90 minutos do empate por 3 a 3 com o Cruzeiro e ainda ter ajudado o São Paulo dando uma bela assistência para o gol de Cícero, Luis Fabiano ainda não está rendendo o esperado. Muito em função, claro, do logo tempo afastado dos gramados, já que ficou sete meses se recuperando de uma lesão na perna direita.

Siga o iG São Paulo no Twitter e tenha informações do time em tempo real

Diante dos mineiros, o atacante desperdiçou uma cobrança de pênalti quando o jogo ainda estava 1 a 0 para o adversário, no primeiro tempo. Na saída para o intervalo, Luis Fabiano contou que conversou com Rogério Ceni, jogador que habitualmente efetua as cobranças, e que ficou decidido que ele mesmo bateria.

“A decisão foi conversada na hora. O Rogério me perguntou se eu estava confiante e eu disse que sim. Infelizmente o goleiro acertou o canto”, disse o camisa 9, que acredita que o momento certo de balançar as redes está chegando. “Minha volta está sendo mais sofrida que o esperado, mas vou seguir lutando em busca do gol. Uma hora vai sair”, comentou.

Baixe o aplicativo iG Futebol para Ipad e Iphone

O técnico Adilson Batista também comentou sobre o pênalti desperdiçado por Luis Fabiano e preferiu dar os créditos ao goleiro Fabio, que fez a defesa no canto esquerdo. “Não só os dois (Ceni e Luis Fabiano) trabalham esse fundamento. Tem o Rivaldo, o Lucas. E ali, quem estiver confiante, bate. O Luis estava confiante e bateu. Mas do outro lado tinha um grande goleiro e não podemos tirar o mérito do Fábio”, lembrou o comandante.

Além da boa chance desperdiçada, Luis Fabiano também piorou alguns números em relação ao seu jogo de estreia, no fim de semana passado, contra o Flamengo. De acordo com as estatísticas do Footstats, diante dos cariocas, o atacante finalizou quatro vezes. Já no duelo com os mineiros, o camisa 9 só chutou uma vez a gol, justamente no lance do pênalti.

Outro dado que mostra a queda de rendimento do jogador é nas perdas de bola. No domingo, no Morumbi, Luis Fabiano perdeu apenas três bolas contra o Flamengo. Em contrapartida, nesta quarta-feira, o centroavante deixou que o adversário mineiro roubasse 13 bolas dos seus pés.

Ainda tentando readquirir sua melhor forma física, Luis Fabiano terá uma semana para se preparar, uma vez que o próximo duelo do São Paulo no Brasileirão, contra o Inter, será apenas na quarta-feira que vem, dia 12 de outubro, na Arena Barueri. Como a partida com o Cruzeiro foi antecipada, a equipe paulista não joga no fim de semana.

Entre para a Torcida Virtual do São Paulo e comente o início de Luis Fabiano

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.