Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Aos 35 anos, autor do gol mais rápido da história se suicida

Jogador marcou o gol histórico em 1993 e teria se suicidado após uma discussão com sua esposa

iG São Paulo |

Getty Images
Cheung Sai-ho disputa bola com David Beckham, durante amistoso em 2003
Autor do gol mais rápido da história do futebol, aos 2,8s, o ex-jogador de Hong Kong Cheung Sai-ho se suicidou na madrugada desta sexta-feira, ao se jogar do 36º andar de seu prédio.

O ex-atleta, de 35 anos, marcou o gol histórico em 1993 e teria se suicidado após uma discussão com sua esposa. A notícia de sua morte foi divulgada por um dos clubes que defendeu, o Happy Valley Athletic Association Football Club.

Atualmente, Sai-ho, que defendeu a seleção de seu país em três Eliminatórias para a Copa do Mundo, mantinha um pub em Tsim Sha Tsui, uma das zonas mais tradicionais de Hong Kong.

O ex-jogador teria discutido com sua esposa por volta das quatro horas da manhã, e foi encontrado morto após um grande estrondo ouvido pelo porteiro, cerca de duas horas depois.

Leia tudo sobre: Cheung Sai-hohong kongfutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG