Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Antônio Carlos espera Botafogo melhor fisicamente que rivais

Zagueiro acredita que eliminações no Carioca e Copa do Brasil podem ser positivas para a preparação

Renan Rodrigues, iG Rio de Janeiro |

O desgaste excessivo dos jogadores, causado pelo calendário brasileiro, voltou a ser debatido na semana passada, quando o técnico Muricy Ramalho reclamou do cansaço dos seus jogadores, que estão envolvidos nas disputas da final do Campeonato Paulista e quartas de final da Copa Libertadores. Por conta desse debate, o zagueiro Antônio Carlos 'comemorou' as eliminações do Botafogo na Copa do Brasil e Campeonato Carioca.

Siga o iG Botafogo no Twitter e receba todas as informações do seu time em tempo real

Sem jogos por mais de um mês, o clube carioca pôde se preparar e praticamente realizou uma nova pré-temporada nos mês de abril e maio. O último jogo da equipe aconteceu no dia 20 de abril, contra o Avaí, pela Copa do Brasil, e o Botafogo só voltará a jogar no dia 22, contra o Palmeiras, pela estreia do Campeonato Brasileiro. Antônio Carlos acredita que os treinamentos e o trabalho físico poderão render um condicionamento melhor que dos concorrentes na reta final do torneio nacional.

"Fisicamente a gente vai estar um pouco melhor que os outros. Claro que o descanso foi forçado, ninguém queria estar fora das competições, mas pode ser muito bom lá na frente", declarou o zagueiro, que também destacou a necessidade da equipe combinar o bom preparo com evolução técnica. "Mas só a parte física não adianta. Temos que fazer valer com a bola nos pés, jogando bem. Acho que os primeiros 10 jogos podem dar uma margem muito boa para ver o que vamos fazer no Campeonato Brasileiro", disse.

Mas mesmo com a possível vantagem de estar mais bem condicionado fisicamente no final do campeonato, o zagueiro do Botafogo reforça as reclamações contra o calendário do futebol brasileiro e pede uma mudança no formato dos torneios estaduais. No ano passado, o próprio Botafogo sofreu com a sequência de jogos, perdendo jogadores importantes para um momento decisivo do Brasileirão.

"A questão do calendário eu reforço, concordo com os técnicos. São muitos jogos em uma semana, acabamos jogando até três vezes. E quem paga o ingresso quer que você vá lá e jogue bem. Eu também estou nessa bandeira para rever esse calendário. Os estaduais são longos, com muitos jogos. Vamos ver o que pode ser feito para ajudar quem está jogando e quem está assistindo também, porque a qualidade do espetáculo com jogadores sem treinamento e cansados cai bastante", declarou Antônio Carlos.

Leia tudo sobre: botafogocampeonato brasileiro 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG