Tamanho do texto

Zagueiro de 35 anos está no clube desde 2006 e já participou de 11 jogos este ano, cinco como titular

Desde 2006 no Flamengo , Ronaldo Angelim foi de reserva esquecido a herói do título mais importante do clube nos últimos 15 anos. A conquista do Campeonato Brasileiro de 2009 tornou-se um marco na sua vida e ele sabe que será lembrado para sempre por isso pelo torcedor. Mais de um ano depois, ainda se considera útil ao time e capaz de dar resultados.

Domingo, às 16h, contra o Macaé, em Volta Redonda, Angelim, aos 35 anos, deve ser titular na ausência de David , suspenso. Este ano, ele disputou 11 jogos, cinco deles como titular, e marcou o gol do empate em 1 a 1 com o Botafogo, na semifinal da Taça Guanabara, quando o Flamengo se classificou nas cobranças de pênaltis.

“Se o Flamengo está invicto esse tempo todo (20 jogos no ano e 21 no total), também ajudei nessa campanha. Eu me sinto importante e dei minha contribuição para a conquista da Taça Guanabara. Não tem como ficar com os mesmos 11 jogadores em todos os jogos. Quem está fora, sempre vai ter uma oportunidade”, afirmou Angelim.

O Flamengo está na segunda colocação do Grupo A, com 15 pontos, um atrás do Vasco, mas já garantido na semifinal da Taça Rio depois da vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo no domingo passado. O time ainda pode terminar a fase de classificação em primeiro lugar, dependendo de um tropeço do Vasco contra o Olaria.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.