Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Anfitriões da Copa 2002, Japão e Coreia do Sul se enfrentam em Sapporo

Amistoso desta quarta-feira será o último jogo das equipes antes do início da disputa das eliminatórias para a Copa de 2014

Gazeta |

Países-sede da Copa do Mundo de 2002, que terminou com a conquista do pentacampeonato da seleção brasileira, Japão e Coreia do Sul se enfrentam nesta quarta-feira, às 7h30 (de Brasília), em partida amistosa em Sapporo, uma das cidades que recebeu aquele Mundial, no Japão. O jogo será o último das equipes antes do início da disputa das eliminatórias para a Copa de 2014. 

Além do enfrentamento dentro de campo, o embate desta quarta será o primeiro da seleção japonesa após a morte do ex-zagueiro Naoki Matsuda, que, aos 34 anos, faleceu na última semana após sofrer um ataque cardíaco durante um treino do seu clube, o Matsumoto Yamaga. O atleta esteve na campanha de sua seleção na Copa de 2002, em que o Japão chegou às oitavas de final.

"Acredito que ele ainda tinha muitas coisas que queria conquistar. Foi realmente uma pena. Temos que, de alguma forma, fazer a morte dele não o fim, mas o começo de alguma coisa", afirmou o meio-campista Keisuke Honda, em entrevista para a imprensa japonesa.

No Japão, o técnico Alberto Zaccheroni voltará a enfrentar a Coreia do Sul - em janeiro 2011, as equipes duelaram por uma vaga na decisão da Copa da Ásia. Após empate no tempo normal por 2 a 2, o time nipônico conseguiu avançar, nos pênaltis, em torneio que eles conquistariam, após bater a Austrália na final.

"Há uma rivalidade, são dois países vizinhos, equipes que jogaram bem na África do Sul e com vários jogadores na Europa, alguns, inclusive, em grandes times", disse Zaccheroni. "Japão e Coreia do Sul são dois países onde o futebol evoluiu muito nos últimos anos, então claro que é um jogo especial", completou.

Apesar da rivalidade, o treinador tenta não perder seu foco: as eliminatórias da Copa. "É um jogo importante por ser nosso último amistoso antes das eliminatórias da Copa do Mundo, que é nosso maior objetivo. Os jogadores estão focados e motivados, e espero um bom jogo quarta", disse.

Enquanto o Japão aposta principalmente no meia-atacante Shinji Kagawa, jogador do Borussia Dortmund, da Alemanha, a Coreia do Sul sofre com três desfalques de jogadores que atuam na Europa: o meio-campista do Bolton, Lee Chung-Yong, além dos atacantes Son Heung-Min, do Hamburgo, e Ji Dong-Won, do Sunderland.

Apesar disso, o técnico sul-coreano Cho Kwang-Rae não desanima, e tenta enxergar com bons olhos a possibilidade de experimentar jogadores que não tiveram muitas chances. "Sei que muitos estão preocupados com as ausências de nossos tradicionais titulares. Mas isso pode ser favorável para nossa preparação visando as eliminatórias da Copa do Mundo, pois podemos experimentar novas opções", ponderou.

Veja outros jogos desta quarta-feira:

China x Jamaica
Taiti x Ilhas Salomão
Kuwait x Coreia do Norte
Catar x Iraque
Sudão x Etiópia
Omã x Bahrein

Leia tudo sobre: japãocoreia do sulfutebol mundial

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG