Publicidade
Publicidade - Super banner
Futebol
enhanced by Google
 

Andrés espera que Adriano faça exercícios nas férias e volte bem

Insatisfeito com o "Imperador", presidente torce por comprometimento com exercícios nas férias

Bruno Winckler, iG São Paulo |

O custo-benefício de Adriano no Corinthians ao final da temporada é mais baixo do que esperava o presidente do clube, Andrés Sanchez. Acima do peso e com apenas quatro jogos na campanha do pentacampeonato, o "Imperador" já recebeu uma planilha de exercícios para realizar durante as férias e assim chegar à pré-temporada, em janeiro, em condições melhores.

AE
Adriano precisa se esforçar para voltar bem em 2012

Leia também: Adriano esnoba festa do Corinthians e irrita clube e patrocinador

Sanchez admite que não está feliz com Adriano e só espera que tais recomendações sejam seguidas pelo atacante. "Ele jogou alguns minutos só. Não vou ser hipócrita. Óbvio que não estou feliz. Infelizmente ele teve a contusão (no tornozelo esquerdo). Mas ele tem uma programação nas férias e se obedecer em 20 dos 30 dias já está bom", disse o presidente corintiano.

Adriano fez um gol nos quatro jogos em que atuou, mas ficou de fora das duas partidas finais da campanha do título. Ele ficou insatisfeito com a decisão de Tite de não ter entrado na partida contra o Palmeiras e não foi à festa do título na noite de domingo, irritando parceiros comerciais dele e do Corinthians. Andrés disse que não se importa se o jogador preferiu fazer uma festa particular.

"Nós temos 32 jogadores, faltaram uns 10 jogadores. É que Adriano teve uma dimensão maior. Vários jogadores não foram, o Leandro Castán não foi (o zagueiro foi, sim, à festa)", além de Adriano, apenas Alex e Tite não foram à festa numa casa noturna na zona de sul de São Paulo.

Mesmo com clara resistência à falta de comprometimento de Adriano, Andrés fez piada com os problemas com a balança do atacante numa comparação com o peso das contratações que o time pretende fazer para 2012. "Não dá para ser tão pesado quanto ele, né? Tem que ser um pouco mais leve. O Adriano, pelo porte físico e pela lesão, ficou mais difícil. Mas espero que ele volte mais forte, porque em fevereiro começa a Libertadores", disse o presidente corintiano.

Leia tudo sobre: corinthiansbrasileirão 2011adriano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG